×
Publicado em
26 de fev. de 2015
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

TheMicam fecha sua edição de inverno com queda na visitação

Publicado em
26 de fev. de 2015

A erosão ainda persiste para o salão milanês do calçado TheMicam. A 79ª edição com as coleções outono-inverno 2016, que decorreu de 15 a 18 de fevereiro de 2015 no parque de exposições Rho Fiera, nos arredores de Milão, acusou uma nova queda na sua visitação, assim como vista durante as temporadas anteriores.

TheMicam reuniu 1.516 expositores num espaço de 67.131 m²


Na realidade, os organizadores da feira anunciam, em seu comunicado de encerramento, ter recebido 32.112 visitantes contra 33.372 ano passado. Eles eram mais de 35.000 em março de 2013... O número de visitantes estrangeiros apresenta-se notadamente em queda, com 15.697 pessoas contra 17.602 no ano passado e 19.181 em março de 2013. Os visitantes vindos da região sob influência russa, Rússia e, em particular, Ucrânia diminuíram praticamente pela metade, em razão da crise na Ucrânia e por causa da desvalorização do rublo.
 
Por outro lado, TheMicam não parece ainda ter encontrado as datas corretas, já que a feira foi encerrada esta vez alguns dias antes do início da Fashion Week milanesa, que se iniciou na quarta-feira, 25 de fevereiro.

Contudo, a feira ressalta “a presença de importantes delegações do sudeste asiático e o aumento do número de visitantes vindos da Espanha, que se confirma como o primeiro país da feira em número de visitantes, e de Portugal”.
 
De fato, Espanha e Portugal representam também os países estrangeiros com o maior número de expositores, respectivamente 208 e 98, a França chega na terceira posição, com 48 expositores. Seguem o Reino Unido e Turquia (47), o Brasil (40) e Alemanha (20).
 
No total, o encontro reuniu nesta edição de fevereiro 1.516 expositores, dos quais 887 italianos e 629 estrangeiros, num espaço de 67.131 metros quadrados.
 
Outra boa notícia, o regresso com força dos compradores italianos. “As presenças italianas ultrapassaram pela primeira vez as dos estrangeiros, o que não decorria mais desde setembro de 2011”, realçam os organizadores, sem, no entanto, fornecer mais detalhes.
 
“É um dado muito encorajador. Mas, além dos números, o elemento mais positivo é o estado de espírito que mudou, como pudemos ver já em janeiro no Pitti Uomo. Durante esta edição TheMicam, percebemos mais otimismo por parte dos visitantes. Os compradores estão prontos para apostar na retomada e estão dispostos a aumentar seu orçamento”, observa Diego Rossetti, vice-presidente da associação dos fabricantes italianos de calçado, Assocalzaturifici.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.