×
Por
Reuters
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
7 de nov. de 2017
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Tapestry continua confiante apesar de perdas no primeiro trimestre da Coach

Por
Reuters
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
7 de nov. de 2017

A Tapestry Inc, anteriormente Coach, publicou vendas trimestrais mais fracas do que o esperado, prejudicada por uma queda inesperada nas vendas comparáveis da sua marca principal. 

A empresa registou uma perda líquida de 17,7 milhões de dólares - Photo: Coach


As vendas em loja da Coach – a maior marca da empresa – caíram 2% em relação ao período homólogo, enquanto os analistas tinham previsto um aumento de 2%, de acordo com a empresa de pesquisa Consensus Metrix.
 
A Tapestry, que inclui as marcas Coach, Kate Spade e Stuart Weitzman, informou que as vendas foram afetadas por problemas de inventário e pelos furacões na América do Norte e tufões na Ásia.

A empresa registrou uma perda líquida de 17,7 milhões de dólares, ou 6 cêntimos por ação, no trimestre encerrado em 30 de setembro, em comparação com um lucro de 117,4 milhões de dólares, ou 42 cêntimos por ação, no ano anterior.
 
A Tapestry teve uma despesa de 188 milhões de dólares relacionada com a aquisição da Kate Spade.
 
Excluindo itens únicos, a empresa obteve 42 cêntimos, superando a estimativa média dos analistas de 36 cêntimos, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.
 
A receita líquida aumentou 24,2% para 1,29 bilhões de dólares, enquanto os analistas tinham previsto, em média, 1,31 bilhões de dólares. 

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.