×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
10 de mai. de 2017
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Roberto Cavalli escolhe Paul Surridge como seu novo diretor criativo

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
10 de mai. de 2017

Depois de um período turbulento, a marca de luxo italiana, criada na cidade de Florença, Roberto Cavalli, escolheu seu novo diretor criativo, o britânico Paul Surridge, que já passou por marcas como Calvin Klein, Burberry, Jil Sander e Z Zegna. Ele será responsável por todas as linhas e todas as funções criativas do grupo.


Paul Surridge - photo Toni Thorimbert


O estilista, conhecido por ser um especialista em moda masculina e estilo minimalista, apresentará seu primeiro trabalho na direção da Cavalli no desfile de moda feminina primavera-verão 2018, que acontecerá em setembro deste ano, em Milão.

«Trabalhei com o Paul anteriormente e tive a oportunidade de ver o seu talento criativo, bem como suas capacidades gerenciais. Paul tem uma visão 360 graus das marcas e de branding. Ele é apaixonado, maduro e tem um espírito de equipe impressionante”, declarou o diretor geral, Gian Giacomo Ferraris, através de comunicado.

Este último entrou na Roberto Cavalli em julho de 2016, depois de ter acompanhado o relançamento da Versace. Encarregado de fazer o mesmo com a Cavalli, que ainda está passando por dificuldades financeiras, com perdas estimadas em 26 milhões de euros, em 2016, Ferraris traçou um plano de reestruturação drástica com cortes, incluindo o diretor artístico Peter Dundas, que comandou a marca durante três temporadas, e deixando-a em outubro do ano passado.

É neste contexto que chega Paul Surridge, formado pela Central Saint Martins de Londres, e que esteve no comando da Z Zegna, segunda linha da Ermenegildo Zegna, de 2011 a 2014. Mais recentemente, foi consultor da Acne Studios, sendo responsável pela coordenação de todas as atividades relacionadas às coleções masculinas.

O estilista inglês debutou na Calvin Klein como designer chefe, em seguida passou pela Burberry, como designer sênior da linha masculina, de 2003 a 2007. Depois foi para a Jil Sander, na época sob a direção de de Raf Simons, que ainda ocupa um cargo de estilista- chefe da linha masculina. Foi neste período que conheceu Gian Giacomo Ferraris,  diretor geral da Jil Sander na época.

Na Roberto Cavalli, grife conhecida pelo glamour e feminilidade, Paul Surridge terá um grande desafio pela frente.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.