×
887
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Première Vision Pluriel: 1771 expositoires vão compor os seis salões

Publicado em
today 13 de fev de 2014
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

De 18 a 20 de fevereiro no Parque de Exposições de Villepinte, em Paris, 1771 empresas vão compor a oferta dos seis salões do Première Vision Pluriel, sendo que no ano anterior esse número foi de 1742 empresas. Mostras que vão dividir, entre outras coisas, dois percursos intitulados Pluriel Experts Trails, voltados respectivamente aos componentes para calçados e ao streetwear sob diferentes formas.


O Première Vision anuncia a presença de 740 expositores, com uma ligeira alta em relação a fevereiro de 2013. Além das marcas que se fazem sempre presentes, o salão da malha e do tecido também anuncia a presença de 25 novas empresas, das quais 15 fabricantes de tecidos vindos da Europa e da Ásia. No final, 46% da oferta será de fabricantes de tecidos, 15% de fabricantes de fios e 39% de estúdios. A mostra vai receber pela quarta vez o espaço Knitwear Solutions, que reunirá cerca de vinte tecelões e fabricantes de fios têxteis. Por sua vez o espaço Maison d’Exception, voltado aos ateliers e artesãos que possuem um raro savoir-faire, vai gozar da sua terceira edição com a presença de 19 empresas neste espaço ao qual só será possível adentra portanto um convite.

Já o Expofil, salão das fibras e fios, vai receber 40 empresas, sendo cinco estreantes e outras que estão de retorno. Uma oferta composta por 68% de europeus, 18% de asiáticos e por 10% de americanos.

Cerca de 197 estúdios têxteis se farão presentes no salão Indigo. A mostra do design e da criação têxtil apresenta assim um avanço de 18% em relação ao ano passado. Os Britânicos vão compor, em mais uma vez, uma ampla parte da oferta (42%), à frente da França (18%), Itália (14%) e dos Estados Unidos (10%). O salão receberá 22 novos participantes, sendo 20 provenientes do Velho Continente. Além disso, os organizadores estão entusiasmados com a presença de 11 escolas de design e de 13 estúdios especializados em malha.


Quatorze novas empresas vão se unir ao Modamont, que traz a oferta do salão de aviamentos e acessórios com 293 expositores. De agora em diante vizinho direto do Première Vision, o salão contará com 51% da sua oferta composta por italianos, 18% de franceses e por 8% de alemães. Além do mais, a mostra vai apresentar uma nova cenografia para seus fóruns de informação de moda, ao passo que está sendo anunciada uma mise en scène espetacular no espaço Jewel Case, que mais uma vez será instalado na primeira parte do salão.

O salão da confecção de moda, agora administrado pela Première Vision S.A., o Zoom by Fatex, anuncia a presença de 127 artesãos, sendo 15 estreantes. A Euromed segue bem representada, tendo o Marrocos no topo dos seus representantes (com 25% das empresas), seguido pela Hungria (20%), Tunísia (12%) e por Portugal (11%). Tudo com uma oferta em sua maioria voltada ao prêt-à-porter, mas sem se esquecer dos acessórios, com produtos voltados ao universo feminino (36%), ao masculino (29%), infantil (19%) e aos bebês (16%).


Em sua 26ª edição, o salão Le Cuir à Paris vai reunir enfim 350 expositores. Na verdade, o conjunto dos profissionais do couro e do forro espera 22 estreantes, para turbinar em 23% o espaço ocupado no pavilhão 3. Assim como o seu vizinho Modamont, a mostra contará com uma presença amplamente composta por italianos (63%), bem à frente dos Franceses, Espanhóis e Turcos. Por outro lado, estes últimos vão reforçar mais uma vez a sua presença, com uma alta de 24% em relação a fevereiro de 2013.

De 14 a 16 de fevereiro de 2013, o Première Vision Pluriel havia reunido 58.000 profissionais estrangeiros, já apresentando um avanço de 5,8%.

Fotos: Divulgação

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.