×
Publicado em
30 de nov. de 2017
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Natura é novamente selecionada para compor o Índice de Sustentabilidade Empresarial

Publicado em
30 de nov. de 2017

A empresa de cosméticos, Natura Cosméticos S.A,  foi selecionada mais uma vez para compor a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da Bolsa de Valores (B3). A empresa consta no índice desde criação deste, em 2005. 


Instagram Natura


A 13ª carteira do ISE terá vigor de 08 de janeiro de 2018 a 04 de janeiro de 2019 e reúne 30 companhias de 12 setores, incluindo a Renner e a Lojas Americanas. Ela também soma 1,28 trilhão de reais em valor de mercado, o que equivale a 41,47% do total do valor das companhias com ações negociadas na Bolsa, com base no fechamento de 21/11/2017.

O ISE é uma iniciativa pioneira na América Latina criada em 2005 pela Bolsa de Valores em parceria com outras entidades e originalmente financiada pela International Finance Corporation, para análise da performance das empresas listadas na Bolsa quanto a sustentabilidade corporativa. Ele se baseia em eficiência econômica, equilíbrio ambiental, justiça social e governança corporativa das empresas. 

O Conselho Deliberativo do ISE garante a transparência na seleção e é composto por onze instituições, incluindo o Ministério do Meio Ambiente (MMA).  O processo de seleção é assegurado externamente pela KPMG.

A iniciativa também "busca criar um ambiente de investimento compatível com as demandas de desenvolvimento sustentável da sociedade contemporânea e estimular a responsabilidade ética das corporações". 

"Tal conquista reforça o nosso posicionamento com investidores que buscam apoiar o desenvolvimento de negócios mais sustentáveis e reafirma nossos contínuos esforços para o aprimoramento de nossas práticas de gestão”, declarou José Roberto Lettiere, Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Natura Cosméticos S.A., através de comunicado. 

O índice acumula valorização de 185,01% desde a sua criação, contra 113,72% do Ibovespa.  A volatilidade acumulada é de 24,67% no ISE e de 27,46% do Ibovespa. Seu desenho metodológico é responsabilidade do Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVCes) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EAESP).
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.