×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
27 de jun. de 2017
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Kenzo se inspira na Ásia e fecha o último desfile da temporada

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
27 de jun. de 2017

Há quem torça o nariz para os altos orçamentos do desfile de Kenzo desta temporada, já que metade dos cerca de 80 modelos foram diretamente da Ásia especialmente para o desfile feminino e masculino.


Kenzo - Primavera-Verão 2018 - Menswear - Paris — © PixelFormula PixelFormula PixelFormula PixelFormula PixelFormula - PixelFormula


 O desfile fez referência à dois icônicos japoneses, o ator e cantor Ryuichi Sakamoto e a famosa supermodelo Sayoko Yamaguchi, que foi a musa do fundador Kenzo Takada. Somando-se à atmosfera animada, um número de aventureiros se equilibraram em cordas elásticas na fachada monumental do Lycée Camille, de seis andares, onde o desfile foi apresentado. Como a coleção, eclética, o edifício é construído em uma combinação de concreto, granito rosa e pedaços de mármore quebrado.

Este desfile foi, ao mesmo tempo, o último da temporada europeia de 17 dias e uma maneira espetacular para terminar o que provou ser uma temporada otimista, onde todos os estilistas decidiram colocar de lado a escuridão que parecia percorrer a Europa neste último ano.

Os estilistas Carol Lim e Humberto Leon mostraram exuberantes misturas de listras futebolísticas, estampas florais e cashmere chamativo, combinado com casacos alongados com vários bolsos, calções de lã na cintura e, provavelmente, o melhor que os estilistas apresentaram desde quando assumiram a direção criativa da marca Kenzo, em 2011.


Kenzo - Primavera-Verão 2018 - Menswear - Paris — © PixelFormula PixelFormula PixelFormula PixelFormula PixelFormula - PixelFormula


"Trouxemos muitos dos nossos modelos para cá, tínhamos que fazer isso. Eles vieram da Coreia, Japão, China e Taipei. Mas valeu a pena", disse Leon após o desfile.

Para as mulheres, calças roxas incríveis, tops com gráficos maravilhosos em zig zag e tops de vários tecidos com frases, como Future Mayhem. Um final sutil para uma temporada que mostrou um clima fresco, cheio de tolerância e união, ao invés da intolerância, raiva e patriotismo do Brexit e Trump de 2016.
 
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.