×
Publicado em
15 de set. de 2010
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Issey Miyake lança seu novo conceito: 132 5.

Publicado em
15 de set. de 2010

Depois de Pleats Please e de A-POC, Issey Miyake inventa a 132 5., uma coleção projetada no seu laboratório (Reality Lab). Inovadora e baseada na reciclagem, a linha terá a sua flagship em Tókio a partir do final de outubro.

Issey Miyake
132 5. Issey Miyake, a roupa lisa passa a ser tridimensional


Como sempre, a cada vez que ele sai do seu laboratório de pesquisas, Issey Miyake traz à tona uma nova imagem da moda, um pouco à parte, futurista, em uma mescla do universo da moda e do design. Desta vez, por trás do seu nome enigmático 132 5., se esconde um processo de criação e fabricação únicos. Místico, cada um destes números têm um significado. Assim, o número 1 faz referência à utilização de uma peça única de tecido; o 3 se refere à forma tridimensional; o 2 significa que o tecido é, então, dobrado de uma forma bidimensional; e enfim, o 5 evoca a esperança de que o conceito possa conduzir à descoberta de novas dimensões.

Chega de teoria! Na prática, o 132 5. advém do encontro entre o estilista e o especialista em informática Jun Mitani, que trabalha em cima da modelagem das formas geométricas feitas pelo computador. Inspirado pelo logiciel do professor que cria objetos tridimensionais a partir de uma simples folha plana, Issey Miyake trabalhou, então, a partir de origamis, com folhas de papel, para poder imaginar as roupas que são reveladas enquanto se estica o tecido na vertical.

Issey Miyake
132 5. entre a matemática e a costura


Em última análise, se pegarmos 10 padrões básicos (de tamanhos diferentes) e começarmos a desdobrar as suas sábias dobras, eles vão se transformando em blusas, saias, calças e bolsas. Eis uma nova relação entre o corpo e a roupa, entre a matemática e a costura, que Issey Miyake oferece sem jamais esquecer a elegância e o conforto.

Sempre à procura de materiais diferentes, o estilista trabalhou com um material reciclável : o PET, originário das garrafas de plástico. "Minhas palavras-chaves para a coleção 1325. são : regeneração e nova criação", explica o mestre.

As vendas do conceito começarão a partir do outono europeu nas lojas Issey Miyake de New York, Paris e Londres. Tókio será o palco da primeira flagship dedicada às coleções no bairro de Minami Aoyama. Projetada pelo arquiteto Sou Fujimoto, a inauguração deve ocorrer no fim de outubro.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.