×
1 049
Fashion Jobs
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Coordenador(a) de Compras de Eventos
Efetivo · São José dos Pinhais
RENNER
Product Owner (po) - Omnichannel
Efetivo · São Paulo
FARFETCH
Product Manager (Ecommerce Experience) - Farfetch Platform Solutions
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Especialista ii Treinamento Comercial Venda Direta - Franschising
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Compradora de Projetos Júnior - Híbrida - PR
Efetivo · São José dos Pinhais
MARISOL
Analista de CRM - São Paulo
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Gerente sr Comercial Lojas Boti (Nordeste)
Efetivo · Brasília
RENNER
Content & Performance Manager
Efetivo · São Paulo
VIVARA
Analista de Compliance Senior
Efetivo · São Paulo
MARISOL
Analista de CRM
Efetivo · Jaraguá do Sul
VIVARA
Analista de CRM sr
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace – Onboarding de Sellers
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace - Atendimento e Pós-Vendas
Efetivo · São Paulo
PUMA
Retail District Manager
Efetivo · São Paulo
RENNER
Coordenador de CRM
Efetivo · São Paulo
L'OREAL GROUP
Loa - br - Operações - Analista de Supply Planning Sênior- Divisão de Cosmética Ativa
Efetivo · Rio de Janeiro
L'OREAL GROUP
Propagandista - l'Oréal Cosmética Ativa - Porto Alegre/rs
Efetivo · Porto Alegre
L'OREAL GROUP
Analista de Categoria (Hair) - l'Oréal Grande Público
Efetivo · Rio de Janeiro
VIVARA
Aprendiz – River Shopping - Petrolina/pe
Efetivo · Petrolina
VIVARA
Estoquista - Teresina Shopping - Teresina/pi
Efetivo · Teresina
CAEDU
Operador de Loja
Efetivo · Carapicuíba
RENNER
Assistente de Loja Csc - Ribeirão Preto
Efetivo · Ribeirao Preto
Por
Agência LUSA
Publicado em
14 de jan. de 2014
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Greenpeace encontra produtos tóxicos em roupa infantil de marcas internacionais

Por
Agência LUSA
Publicado em
14 de jan. de 2014

Redação – A associação ambientalista Greenpeace denunciou ter encontrado produtos tóxicos nocivos à saúde em roupas infantis de várias marcas internacionais vendidas em 25 países, como Adidas, Burberry, Disney, Primark e Nike.

A organização analisou 82 peças para crianças, desde camisas a sapatos e maiôs de banho, de um conjunto de marcas que também inclui a H&M, a Puma, a American Apparel, a GAP, a Uniglo ou a Li-Ning.

Os produtos analisados pelo Greenpeace foram adquiridos entre maio e junho de 2013 em lojas oficiais das marcas | Foto: Corbis


De acordo com o relatório apresentado nesta terça-feira (14), as análises da Greenpeace mostraram que 61% das peças continham nolilfenol, um grupo de químicos que causam perturbações hormonais, como adiantou à agência de notícias espanhola Efe a responsável da campanha de tóxicos da Greenpeace Ásia oriental, Ann Lee.

A ambientalista acrescentou ainda que mais de 94% das peças analisadas continham ftalatos, utilizado habitualmente na indústria têxtil como suavizante e conhecida como uma substância tóxica que afeta o processo reprodutivo dos mamíferos.

Apesar do perigo que representa o contato com estes produtos químicos, desconhece-se, ainda, qual é a consequência direta para uma criança que vista a roupa afetada. Os produtos analisados pela Greenpeace foram adquiridos entre maio e junho do ano passado em lojas oficiais das marcas situadas em países como a Espanha, a Itália, os Estados Unidos, a Colômbia, o México e a Argentina, e foram fabricados em 12 Estados.

A organização conseguiu, no entanto, verificar que um terço da produção é proveniente da China, país que o Greenpeace defende que deve ser o primeiro a ter a sua exportação bloqueada.

Copyright © 2023 Agência LUSA. Todos os direitos reservados.