×
Por
Reuters
Publicado em
10 de ago. de 2016
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Gap: queda das vendas menos forte que o previsto no 2º trimestre

Por
Reuters
Publicado em
10 de ago. de 2016

A queda das vendas trimestrais da Gap foi menos forte que o previsto no segundo trimestre, em especial graças a um melhor movimento em suas lojas Old Navy ao longo do mês de junho.


A ação do grupo americano, no entanto, caiu 4,9% durante o pós mercado de segunda-feira, já que a marca Banana Republic mais uma vez publicou números decepcionantes.
 
As vendas em base comparável da Old Navy, cuja performance foi boa esses últimos anos, ficaram estáveis depois de dois meses de queda. Os analistas esperavam um recuo de 1,2%.

O lucro líquido ajustado ficou em 58-59 centavos para o segundo trimestre encerrado a 30 de junho, em relação ao consenso Thomson Reuters de 48 centavos.
 
O grupo, que viu seu movimento em lojas aumentar no mês de junho, deve publicar seus resultados para o segundo trimestre a 18 de agosto.
 
A vendas na base mesmas lojas caíram 2%, enquanto os analistas previam uma queda de 2,6%, segundo a Consensus Metrix.
 
O grupo anunciou que se concentraria na América do Norte e que 75 lojas Old Navy e NBanana Republic serão fechadas fora desta região.
 
"O desenvolvimento foi desigual ao longo do trimestre, com movimento difícil em maio e julho", declarou Jack Calandra, vice-presidente sênior responsável pelas relações com investidores.
 
Os varejistas americanos de roupa estão tendo dificuldade com consumidores que demandam descontos consideráveis e que, cada vez mais, se voltam às roupas mais baratas e à moda dos especialistas em fast fashion, como H&M, Forever 21 e ainda Zara.
 
Por outro lado, o movimento nas lojas está caindo progressivamente, uma vez que os Millennials preferem fazer suas compras pela Internet.
 
As vendas, em base comparativa,caíram 9% na Bana Republic, marcando um 6º trimestre consecutivo de queda.
 
As vendas caíram 1,3% indo a 3.85 bilhões de dólares (12.10 bilhões de reais), ou seja, ligeiramente melhor que as expectativas dos analistas, que eram de 3.78 bilhões (11.88 bilhões de reais).

© Thomson Reuters 2021 Todos os direitos reservados.