×
810
Fashion Jobs
RENNER
Gerente de Marketing - Marca e Sustentabilidade
Efetivo - CLT · Porto Alegre
RENNER
Gerente de Marketing e Analytics
Efetivo - CLT · Porto Alegre
AMARO
Tech & Data Business Partner
Efetivo - CLT · São Paulo
CHILLI BEANS
Supervisor de Vendas no Varejo - Chilli Beans
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Buyer
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Buyer
Efetivo - CLT · São Paulo
RENNER
Analista de Produto - Licenciados
Efetivo - CLT · Porto Alegre
RENNER
Comprador
Efetivo - CLT · Porto Alegre
AMARO
SEO Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Supervisor de Vendas - Tijuca/rj
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
RENNER
Analista de RH - Business Partner
Efetivo - CLT · Porto Alegre
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas Pleno - Treinamento e Desenvolvimento
Efetivo - CLT · Guaramirim
CAMICADO
Supervisor de Vendas e Operação de Loja - Brasília
Efetivo - CLT · Brasília
RENNER
Encarregado de Logistica E-Commerce
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
GRUPO BOTICARIO
Analista Gestão de Riscos Csc pl
Efetivo - CLT · Curitiba
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral
RENNER
Supervisor de Vendas| Imperial Shopping - Imperatriz ma
Efetivo - CLT · Imperatriz
RENNER
Supervisor de Vendas| Shopping Golden Calhau - São Luís
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| São Luís Shopping
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| Natal Shopping
Efetivo - CLT · Natal
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral
RENNER
Supervisor de Vendas| Imperial Shopping - Imperatriz ma
Efetivo - CLT · Imperatriz

eBay é obrigado a pagar multa de 1,7 milhões de euros à LVMH

Publicado em
today 2 de dez de 2009
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

O site de vendas pela internet eBay foi condenado pelo Tribunal de Comércio de Paris a pagar uma multa de 1,7 milhões de euros ao grupo francês Louis Vuitton-Moët Hennessy (LVMH) pela venda ilegal dos seus perfumes.

LVMH, eBay


O Tribunal constatou a existência de "anúncios ilegais" de produtos que utilizam marcas como Kenzo, Givenchy, Christian Dior e Guerlain, todas elas propriedade do Grupo LVMH, e presentes na página web eBay.

Para a líder mundial de luxo, "a decisão constitui uma etapa importante" na sua luta contra a venda de seus produtos de forma ilícita.

Em nota divulgada, a LVMH lembrou que o mesmo site eBay já havia sido condenado a pagar cerca de 38 milhões de euros no dia 30 de junho por danos e prejuízos à grife, no que ficou definido como um "desrespeito às redes de distribuição seletiva". A partir de então, o Tribunal de Comércio de Paris proibiu ao site de continuar com esta prática, sob pena de uma multa de 50 mil euros por dia.

Devido às mesmas razões, o Tribunal de Grande Instância de Paris havia voltado a advertir o site eBay em setembro passado, que continuava a vender os perfumes das marcas pertencentes ao grupo LVMH.

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.