×
Publicado em
23 de jun. de 2014
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Centros comerciais: 1.134 novos shoppings no mundo daqui para 2015

Publicado em
23 de jun. de 2014

Cerca de 1.650 centros comerciais nasceram em todo o mundo em 2012 e 2013, ou seja, 63,9 milhões de metros quadrados, um crescimento de 7%. Dentro de três anos, aproximadamente 53,3 milhões de novos metros quadrados devem ser construídos, destacando o dinamismo do mercado dos novos espaços comerciais.


É o que aponta a consultoria Cushman & Wakefield, no seu Global Shopping Center Development Report, que destaca que, daqui para o fim do ano, nada menos que 1.134 novos centros comerciais devem abrir, turbinando a oferta com 38,3 milhões de metros quadrados.

Os Estados Unidos, a Rússia, o Brasil, o México, a Índia e a China contribuíram amplamente para o desenvolvimento desses últimos anos. E os países emergentes estão mostrando um dinamismo que só faz crescer.

“Apesar da desaceleração da economia sul-americana, o Brasil, a Colômbia, o Peru e o Chile assistirão a um aumento dos seus metros quadrados de centros comerciais nos próximos anos”, aponta o estudo.

“O ritmo de desenvolvimento também continua muito forte nos Estados Unidos. A Ásia também continua bastante atrativa para as marcas e beneficia-se da vantagem de oferecer ao mesmo tempo mercados maduros, a exemplo do Japão e da Austrália, mas também os maiores mercados emergentes do mundo.

Na China, o número de novos centros comerciais é particularmente elevado, criando uma densidade bem alta em alguns locais. A Índia, a Indonésia e o Vietnã também são mercados com um forte potencial de crescimento”.

Previsões que chegam para apoiar os números do primeiro trimestre, durante o qual 37,9 bilhões de dólares foram investidos neste mercado. Um avanço de 42% em relação aos montantes do primeiro trimestre de 2013.

Os Estados Unidos e a Índia contribuíram amplamente para este desenvolvimento. E, ainda que o dinamismo brasileiros da última década tenha diminuído, o conjunto da América Latina continua a mostrar o seu potencial com desempenhos importantes, em particular no México.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.