×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
15 de fev de 2018
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Birkenstock é escolhida pela PETA como a marca de calçados mais Vegan-Friendly de 2017

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
15 de fev de 2018

A maior fabricante de calçados da Alemanha, famosa por suas sandálias, recebeu o prêmio Libby como "Most Vegan-Friendly Shoe Company" de 2017 (a companhia de calçados mais Vegan-Friendly) pela ala juvenil da PETA nos Estados Unidos, a Peta2.


Coleçãovegana da Birkenstock para aPrimavera / Verão 2018. - Birkenstock


O vencedor do prêmio foi escolhido através de uma votação online que atraiu um número recorde de jovens do mundo todo, que dobrou em relação ao ano passado.
 
Este é o segundo prêmio que a Birkenstock recebe da organização internacional de direitos dos animais, uma vez que a empresa recebeu anteriormente o "Vegan Fashion Award" da PETA Alemanha, por um modelo vegano de sua sandália "Madrid", em setembro de 2016.

"Estamos muito felizes em receber este prêmio porque ele vem das pessoas para as quais fazemos nossos produtos - nossos clientes", afirmou o CEO da Birkenstock, Oliver Reichert, em um comunicado: "Especialmente entre os clientes mais jovens, há uma porcentagem crescente que escolhe a forma vegana de viver. Oferecemos muitos produtos veganos para esses clientes. O Peta2 Libby Award nos motiva a continuar nesse caminho”.
 
"Como todos os dias os consumidores aprendem mais sobre a importância do uso de produtos veganos, a Birkenstock continua agregando mais opções que não maltratam os animais em sua coleção, fazendo com que se torne fácil se divertir com nossos guarda-roupas, enquanto toma medidas para um mundo mais gentil com todos os seres”, comentou Anne Brainard, Diretora de Assuntos Corporativos da PETA.

Um quinto das sandálias Birkenstock são fabricadas sem componentes animais e a marca também inclui alternativas veganas nas novas categorias de produtos, como a coleção de legwear. Além disso, todos os produtos da linha recentemente lançada Birkenstock Natural Care são veganos.
 
O Prêmio Libby (abreviação de "libertação") foi criado pela organização juvenil Peta2 da PETA USA, que é composta por jovens entre 13 e 21 anos, para celebrar empresas e indivíduos dedicados à promoção dos direitos dos animais. O ano de 2018 é o décimo segundo do Libby Award e foram concedidos prêmios nas categorias "Heroes", "Food" e "Lifestyle".
 
Este é um reconhecimento valioso para a Birkenstock, uma vez que a preferência do consumidor está mudando para produtos mais éticos e sustentáveis, e os mercados dos millenials e da geração Z, que muitas vezes preferem marcas socialmente e ambientalmente responsáveis, continuam crescendo. 
 
Curiosamente, segundo um estudo recente da faculdade LIM, quando os consumidores dessas gerações fazem uma compra, as credenciais éticas de uma marca não são consideradas em primeiro lugar. Mas, no entanto, a mesma pesquisa descobriu que 90% dos entrevistados abandonariam uma marca ou produto se descobrissem serem ambientalmente hostis, indicando uma preocupação real entre os millenials e a geração Z sobre as ações e políticas das empresas.
 
A Birkenstock vende aproximadamente 25 milhões de pares de sapatos por ano e emprega 3.800 funcionários ao redor do mundo.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.