×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
1 de out. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Zara Origins abre pop-up mundialmente online para Paris Fashion Week

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
1 de out. de 2021

Zara, uma marca espanhola democrática que oferece moda sem muita dor no bolso, tem sido sempre mais democrática do que arrojada. Mas a sua nova linha conceitual, Zara Origins, que levou a abrir discretamente uma pop-up para a Paris Fashion Week, faz com que a marca pareça muito cool.


Fachada da pop-up da Zara em Paris - Foto: FashionNetwork.com - Photo: FashionNetwork.com


De uma forma algo notável, a pop-up surge como a antítese da moda rápida. Precisamente porque a Zara Origins está sendo lançada no que parece ser o ponto alto (ou ponto baixo, dependendo do gosto de cada um) da moda ativa, influenciada por esportes, à procura de atenção e de números no Instagram, surge como um guarda-roupa contemporâneo elegante e com uma sobriedade sutil.  

Os tecidos são frescos, os cortes precisos, a alfaiataria habilmente desconstruída e o maldito detalhe bom.

Tal como a Zara en-masse, a Origins também se baseia em tendências globais, mas de moda de topo. Há toques de Hermès, Yohji Yamamoto e mesmo Zegna, mas tudo isso é uma coisa boa.

Tomemos o blazer de nylon técnico totalmente desconstruído com bolsos exteriores. Um look não totalmente diferente pode ser encontrado na Prada ou Hermès. Exceto se adquirir a versão Origins, custa apenas 89 euros. O que significa que você ainda pode tomar vinho e jantar no próximo fim-de-semana e não ter de passar fome durante um mês.


Interior da pop-up da Zara em Paris - Foto: FashionNetwork.com - Photo: FashionNetwork.com


Ou para o banqueiro natty retro de Wall Street, casacos de lã sem forro e cortados com grande aplomb. O preço de 129 euros, é também notavelmente um bom valor. E há ainda várias excelentes suéters de caxemira com gola careca e calças de cordão frescas em nylon. Feitas em tons monocromáticos de azul petróleo; cinza luminoso; areia e marrom charuto, e portanto muito práticas.

A nível internacional, a Zara Origins também foi lançada online no dia 15 de setembro, e em 39 pontos de venda físicos.

Em Paris, tudo está instalado em uma loja arejada no número 40 da rue Richelieu, a apenas dois minutos a pé do Louvre, e pendurado em simples prateleiras brancas numa boutique toda pintada exclusivamente de branco. Enquanto no segundo andar, há uma encantadora instalação vídeo do seu lookbook filmado por Dani Pujalte com um casting inclusivo que se diverte dentro e em volta de uma orquestra que toca em uma piscina gigante em Barcelona.

Acima de tudo, o essencial sobre a Origins é que este domínio da Zara pode frequentemente parecer demasiado ersatz e Origins parece sem esforço. É assim tão bom.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.