×
938
Fashion Jobs
STUDIO Z
Coordenador de Planejamento Comercial
Efetivo - CLT · FLORIANÓPOLIS
GRUPO MEIA SOLA
Gerente de Marketing
Efetivo - CLT · FORTALEZA
GRUPO BOTICARIO
Executivo de Vendas ii (São Paulo)
Efetivo - CLT · São Paulo
LULITEX COM IMP EXP LTDA
Auxiliar Comercial
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas Pleno - Treinamento e Desenvolvimento
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas - Assistente Social
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - Quem Disse, Berenice?
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
CAMICADO
Supervisor de Vendas e Operação de Loja - Brasília
Efetivo - CLT · Brasília
RENNER
Encarregado de Logistica E-Commerce
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - o Boticário
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
GRUPO BOTICARIO
Product Owner E-Comm
Efetivo - CLT · Curitiba
IBRANDS
Líder de Logística
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Analista Gestão de Riscos Csc pl
Efetivo - CLT · Curitiba
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral
RENNER
Supervisor de Vendas | Rio Verde
Efetivo - CLT · Rio Verde
RENNER
Supervisor de Vendas| Imperial Shopping - Imperatriz ma
Efetivo - CLT · Imperatriz
RENNER
Supervisor de Vendas| Shopping Golden Calhau - São Luís
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| São Luís Shopping
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| Natal Shopping
Efetivo - CLT · Natal
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral

Vulcabras Azaleia S.A registra queda de 9,1% no lucro liquido do segundo trimestre

Publicado em
today 12 de set de 2019
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

O grupo calçadista brasileiro, Vulcabras Azaleia S.A, proprietário das marcas Azaleia, Dijean, Olympikus, Opanka, Under Armour, e Botas Vulcabras, anunciou que registrou lucro liquido de 30 milhões reais no segundo trimestre de 2019, uma retração de 9,1% em relação ao mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, a empresa somou 56,2 milhões de reais, uma queda de 15,5%.


Alexandre Herchcovitch, diretor de estilo empresa - Azaleia


No segundo trimestre, foram vendidos 6,6 milhões de pares/peças, um aumento de 20,4%, e no primeiro semestre, 2,6 milhões de pares/peças (+13%), o que a empresa atribuiu principalmente ao aumento dos calçados esportivos e calçados femininos. Em relação ao lucro bruto, o resultado foi 111,2 milhões no 2T19 (+15,1%), e 213,3 milhões no semestre (+ 8,3%), com margem bruta de 34,0% no 2T19 (-0,4 p.p.). O EBITDA, por sua vez, foi de 50,5 milhões de reais no 2T19 (+14,3%), e 97,6 milhões no semestre (+3,8%). 

No segundo trimestre, a receita liquida atingiu 327 milhões de reais  (+16,5%), com destaque para crescimento de 12,3% na categoria Calçados Esportivos, impulsionada pela Olympikus, que passou a ter mais produtos com preços mais acessíveis, e pela adição da receita da Under Armour, que passou a ter seus primeiros calçados totalmente desenvolvidos e produzidos nas fábricas da Vulcabras. A categoria de Calçados Femininos também cresceu, com + 14,4%, graças à nova coleção da marca Azaleia, a primeira com a supervisão do estilista Alexandre Herchcovitch, diretor de estilo da companhia. No acumulado do ano, a receita líquida atingiu 626,8 milhões de reais, um aumento de 9,4%.

O mercado interno representou 91,9% de participação na receita do segundo trimestre, com 300,6 milhões de reais (+22,1%), enquanto o mercado mercado externo representou 8,1%, com a receita de 26,4 milhões (-23,7%).  A empresa atribuiu a retração no mercado externo à interrupção temporária dos negócios na Argentina, principal destino das exportações de calçados esportivos, devido à crise econômica no país, e ressaltou que “tem trabalhado intensamente para o restabelecimento dos negócios”, que devem ser retomados no segundo semestre.

"A Vulcabras Azaleia teve desempenho positivo em suas principais marcas e categorias de produtos no segundo trimestre de 2019, mesmo diante de um cenário de estagnação econômica e baixo consumo no mercado interno, e interrupção dos negócios na Argentina, até pouco tempo o principal destino de nossas exportações. Com consumo abaixo das expectativas do mercado e alta disputa pela preferência do consumidor, a empresa lançou mão de uma estratégia comercial que se mostrou eficiente, reforçando a oferta de produtos nas faixas de entrada de atuação dos calçados Olympikus. Alinhadas à força das marcas e aos atributos dos novos produtos, as ações comerciais levaram ao aumento de receita em Calçados Femininos, e em Calçados Esportivos e Confecções, tanto de Olympikus quanto de Under Armour.”, declarou em comunicado o CEO da empresa, Pedro Bartelle.

"Ao mesmo tempo em que traçamos estratégias comerciais assertivas, desenhamos a comunicação para a construção das nossas marcas visando ao curto e ao longo prazos, informando as novidades em tecnologias e modelos, e estreitando a relação com seus públicos. Toda época apresenta seus desafios. Para enfrentá-los neste ciclo que vivemos no país e no mercado externo, seguimos fiéis a nossos princípios: os que nos impulsionam a inovar em produtos e gestão, e a construir, permanentemente, uma empresa de valor para colaboradores, acionistas e sociedade.”, completou.

A Vulcabras Azaleia S.A foi fundada em 1952, em São Paulo. Atualmente, a companhia possui três fábricas no Nordeste e dois centros administrativos, que empregam mais de 14 mil trabalhadores. A empresa também conta com duas filiais e centros de distribuição, no Peru e na Colômbia, e vende seus calçados, sendo 800 novos modelos por ano, em mais de 20 países, com destaque para a América do Sul.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.