×
903
Fashion Jobs
CAEDU
Gerente de Grupo Produto - Infantil
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Supervisor de Vendas - Barueri
Efetivo - CLT · Barueri
STUDIO Z
Coordenador de Planejamento Comercial
Efetivo - CLT · FLORIANÓPOLIS
GRUPO MEIA SOLA
Gerente de Marketing
Efetivo - CLT · FORTALEZA
GRUPO BOTICARIO
Executivo de Vendas ii (São Paulo)
Efetivo - CLT · São Paulo
LULITEX COM IMP EXP LTDA
Auxiliar Comercial
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas Pleno - Treinamento e Desenvolvimento
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas - Assistente Social
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - Quem Disse, Berenice?
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
CAMICADO
Supervisor de Vendas e Operação de Loja - Brasília
Efetivo - CLT · Brasília
RENNER
Encarregado de Logistica E-Commerce
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - o Boticário
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
GRUPO BOTICARIO
Product Owner E-Comm
Efetivo - CLT · Curitiba
IBRANDS
Líder de Logística
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Analista Gestão de Riscos Csc pl
Efetivo - CLT · Curitiba
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral
RENNER
Supervisor de Vendas | Rio Verde
Efetivo - CLT · Rio Verde
RENNER
Supervisor de Vendas| Imperial Shopping - Imperatriz ma
Efetivo - CLT · Imperatriz
RENNER
Supervisor de Vendas| Shopping Golden Calhau - São Luís
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| São Luís Shopping
Efetivo - CLT · São Luís

Vestidos de Stella McCartney e Barbie de Lagerfeld brilham em Paris

Por
Europa Press
Publicado em
today 30 de set de 2014
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Paris (Reuters/EP) – Fendas oblongas, fivelas de tamanho grande e uma estética utilitarista foram os traços marcantes da coleção de verão 2015 que Stella McCartney desfilou em Paris na segunda-feira (29).

A aposta da estilista britânica em roupas com “movimentos naturais e uma silhueta fluida” se traduziu em calças de cintura baixa estilo marinheiro, macacões em tecidos vaporosos estilo paraquedas e vestidos no meio da canela.

Stella McCartney, Paris primavera-verão 2015 | Foto: Pixelformula


O desfile de Stella, no Opera Garnier de Paris na segunda semana da mostra, foi recebido com aplausos um tanto contidos, um contraste com o frenesi dos fãs que correram para obter uma Barbie de edição limitada de Karl Lagerfeld; na verdade, uma miniatura do estilista alemão e seu famoso rabo de cavalo.

Com as tradicionais luvas pretas sem dedos, gola engomada e, claro, óculos escuros, as 900 bonecas à venda por 200 euros cada, produzidas pela Mattel, criadora da Barbie, foram todas vendidas em minutos nas lojas de Karl Lagerfeld e em butiques especializadas.

Lagerfeld, cujo gato branco Choupette foi a estrela de um livro de capa dura lançado na semana passada, apresenta a sua coleção Chanel esta terça-feira (30).

O novo livro de Karl Lagerfeld, ou melhor, da sua gatinha Choupette. Divulgação


No show de McCartney, as fivelas ousadas dominaram alguns dos vestidos, fosse como presilha no ombro ou ornamentos no bolso, dando um toque mais robusto a vestimentas em tons de branco e creme.

Fraques com tecido bufante e fendas assimétricas em bainhas e corpetes podem ser uma maneira infalível de rebater o calor do verão, mas um vestido de tricô, que expõe completamente o quadril da modelo, pode ser revelador demais até para as mulheres mais arrojadas do mundo real.

Para a noite, McCartney optou por vestidos arejados de organza em modelos e estampas contrastantes realmente ecléticas, em cores que vão de coral e leopardo até um azul de inspiração japonesa e estampas de onda, entremeadas com aberturas de seda transparente.

Copyright © 2019 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.