×
Publicado em
15 de set de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Valentino continua a reestruturação de sua alta direção

Publicado em
15 de set de 2020

A Valentino está, mais uma vez, reestruturando sua alta direção. A marca de luxo italiana, desde 2012 propriedade da empresa de investimento Mayhoola, pertencente à família real do Catar, colocou Laurent Bergamo à frente dos mercados da América do Sul e do Norte. O gestor, anteriormente responsável pelo Oriente Médio, foi substituído por Simone Bertolini.


Valentino acaba de abrir sua primeira loja no México, no El Palacio de Hierro Perisur


Laurent Bergamo, no cargo desde setembro, se reportará ao diretor de Vendas Mundial (CCO), Marco Giacometti, que ingressou na empresa no início do ano para assumir este novo papel.

Após um período na Furla, o gestor francês, formado na Escola de Comunicação e Marketing do ISEG, em Toulouse, trabalhou 14 anos na Tod's, antes de se transferir para a Valentino em 2018.

Em seu novo papel, Laurent Bergamo "se empenhará na direção estratégica de uma nova fase de desenvolvimento das redes de distribuição de varejo, atacado e online da Valentino para os mercados dos Estados Unidos, Canadá e México, continuando simultaneamente a reforçar a presença da marca na região", anunciou a empresa em um comunicado.

O gestor zela pela América do Sul e do Norte, uma vez que a Valentino acelerou a sua expansão neste continente. A marca acaba de abrir sua primeira loja no México, no El Palacio de Hierro Perisur, na Cidade do México. Em junho, ela expandiu a sua boutique de Dallas em Highland Park Village. Destinado exclusivamente às coleções femininas quando abriu em 2017, este ponto de venda abriga agora toda a gama de produtos masculinos da Valentino.

No início de 2019, a Valentino anunciou a nomeação de Gianfranco Ditadi, também da Tod's, como CEO para a América do Norte.

A nomeação de Laurent Bergamo ocorre em um momento em que a Valentino – cujo Diretor Artístico é Pierpaolo Piccioli –, criou cargos como Diretor de Marca, confiado a Alessio Vannetti (ex-Gucci), na sequência do cargo de Diretor de Vendas Mundial, ocupado por Marco Giacometti. Em junho, o grupo nomeou Jacopo Venturini como seu novo CEO.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.