×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
24 de nov. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Urban Outfitters: crescimento de vendas impulsionadas pelo digital

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
24 de nov. de 2021

A varejista de moda americana, Urban Outfitters Inc., reportou um aumento anual de 16,7% nas suas vendas líquidas do terceiro trimestre, na segunda-feira (22 de novembro), e um aumento de 14,6% em comparação com o mesmo período há dois anos, uma vez que o crescimento online compensou o declínio nas lojas.


As vendas da Urban Outfitters totalizaram 1,13 bilhão de dólares (1 bilhão de euros) no 3.º trimestre - Instagram: @urbanoutfitters

 
No terceiro trimestre, encerrado em 31 de outubro de 2021, a Urban Outfitters – corporação multinacional de varejo de estilo de vida com sede na Filadélfia – alcançou vendas líquidas recorde de 1,13 bilhão de dólares (1 bilhão de euros), em comparação com 969,6 milhões de dólares (860,50 milhões de euros) no período do ano anterior e 987,5 milhões de dólares (876,39 milhões de euros) de dois anos atrás, antes do impacto da pandemia de COVID-19.
 
A empresa, que vê os resultados do seu último terceiro trimestre pré-COVID-19 como uma melhor base de comparação, revelou que as vendas comparáveis do segmento varejista  aumentaram 14% desde então, refletindo um forte crescimento de dois dígitos nas vendas do canal digital e um decréscimo de meio dígito nas vendas em loja.

Dividindo por marca, a Urban Outfitters registrou um aumento de 7% nas vendas trimestrais do seu segmento de varejo em relação ao mesmo período de dois anos atrás. O crescimento foi de 9% no Anthropologie Group e um impressionante 55% no Free People Group da empresa. As vendas líquidas do segmento atacadista, por outro lado, diminuíram 15% durante o mesmo período.
 
O rendimento líquido total da empresa no trimestre foi de 88,9 milhões de dólares (78,90 milhões de euros), ou $0,89 (0,79 centavos de euro) por ação diluída, acima dos 76,7 milhões de dólares (68,07 milhões de euros), ou $0,78 (0,69 centavos de euro) por ação diluída, no terceiro trimestre do ano passado. No mesmo período há dois anos, o rendimento líquido foi de 55,7 milhões de dólares (60,41 milhões de euros), ou $0,56 (0,50 centavos de euro) por ação diluída.
 
"Tenho o prazer de anunciar que as nossas equipes produziram vendas e ganhos recorde no terceiro trimestre", disse o diretor executivo da Urban Outfitters, Richard A. Hayne, em um comunicado de imprensa. "Estamos entusiasmados com as vendas comparáveis de novembro até o momento, para todas as marcas, terem acelerado a partir da sua taxa de terceiro trimestre", acrescentou, dando uma amostra do que está por vir no quarto trimestre.
 
Até o momento, a Urban Outffiters relatou vendas líquidas de 3,22 bilhões de dólares (2,86 bilhões de euros), 36,2% acima dos 2,36 bilhões de dólares (2,09 bilhões de euros) no mesmo período de nove meses no ano anterior e 14,3% acima dos 2,8 bilhões de dólares (2,48 bilhões de euros) há dois anos. O rendimento líquido do período foi de 270 milhões de dólares (239,62 milhões de euros), ou $2,71 (2,41 euros) por ação diluída.
 
A Urban Outfitters gere atualmente mais de 670 lojas nos EUA, Canadá e Europa, sob os nomes Urban Outfitters, Anthropologie e Free People. A empresa também gere nove restaurantes Menus & Venues.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.