×
Por
Europa Press
Publicado em
13 de set. de 2015
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Universo do calçado, um setor em alta na Momad Metrópolis

Por
Europa Press
Publicado em
13 de set. de 2015

Madri (Notimérica) – A indústria do calçado espanhol está no auge e assim ficou demonstrado durante o primeiro dia da quinta edição da feira de moda Momad Metrópolis, celebrada de 11 a 13 de setembro em Madrid, Espanha.

Corredores da Momad Metrópolis - Europa Press


Nela 394 expositores e marcas de calçado mostraram seus designs para a primavera-verão 2016/17 com uma novidade principal: os organizadores decidiram dedicar um pavilhão da Instituição Ferial de Madrid (IFEMA) com exclusividade à indústria do calçado, uma mudança que teve uma grande receptividade.
 
As coleções exibidas neste evento demonstram que a próxima primavera vem com ares 'seventies'. As pontas afiadas continuam ganhando terreno nas coleções, da mesma forma que as solas 'track' e os saltos em bloco.

A primavera de 2016/17 vem cheia de sandálias e saltos 'lace up', com os pés envolvidos em tiras, além de peles metalizadas e estampados florais, como se pôde ver no Madrid Fashion Show (MFSHOW).
 
Quanto às cores, os pés se vestirão de festa, triunfando a força do vermelho, a energia do laranja e as tonalidades terra. Os corais, água-marinha, os tons pastel e os metalizados – ouro, prata e bronze – seguirão como uma aposta certeira.
 
Além disso, as peles e materiais naturais inundam as coleções e o denim reaparece com força para vestir os nossos pés. Tudo isto sem se esquecer do brilho e do glamour, que chegam para ficar nos detalhes baseados em pontos de strass, glitter, pedraria, purpurinas e pailletes.
 
Quanto aos modelos destaque da temporada, estes prometem ser as sandálias planas, as abarcas, as sapatilhas, os saltos e os stilettos, clássicos que se reinventam nas coleções mostradas na feira mais importante da Península Ibérica.
 
Aumento de vendas de calçado
 
Uma feira que este setembro está cheia de dados positivos. Segundo o relatório sobre o comércio exterior de calçado e indústria dos artigos de couro realizada pela Instituição Semanal de Madrid (IFEMA), as vendas ao exterior de calçado até maio deste ano alcançaram cifras sem precedentes, com cerca de 72 milhões de pares vendidos e uma faturação de 1,438 bilhão de dólares, o que representa 5% mais em volume e 15% mais em valor, a respeito do mesmo período do ano anterior.

Prova desses resultados é o sucesso que teve o primeiro dia da quinta edição da Momad.

Peças expostas na Momad Metrópolis - Foto: Europa Press


"Ainda não temos dados, mas a princípio acho que a sensação é mais positiva, tanto pela oferta e pela apresentação de imagem como também pelo volume de visitantes", declarou à Notimérica o responsável de Marketing da Federação de Indústrias do Calçado Espanhol (FICE), Inmanol Martínez.
 
Não obstante, trata-se de um mercado que adquire a maior parte dos seus benefícios da clientela nacional; ou seja, da espanhola, que representa 80% dos visitantes. Apesar disto, Martínez afirma que na sexta-feira houve a presença de compradores asiáticos e italianos, especialmente.
 
América Latina, "disciplina pendente"
 
"Nosso primeiro objetivo é consolidar-nos na Espanha, mas não devemos esquecer-nos de que o nosso país é o segundo produtor e exportador de calçado da Europa", afirmou.
 
Além disso, Martínez disse que a região da América Latina e Caribe é uma das disciplinas "pendentes" da indústria, em grande medida devido ao preço do produto espanhol. No entanto, o membro da FICE considera que se trata de "um mercado com futuro", que já está sendo explorado no caso do México e Colômbia.

Copyright © 2022 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.