×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
14 de mai. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Tom Ford confirma participação New York Fashion Week

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
14 de mai. de 2021

Tom Ford emitiu, ao CFDA (Council of Fashion Designers of America), uma carta aberta a respeito da NYFW (New York Fashion Week) de setembro, na qual confirmou que irá encenar seu próprio desfile ao vivo na cidade.


Tom Ford vaiencenar seu próprio desfile ao vivo aquando da New York Fashion Week - DR


"A New York Fashion Week é sempre uma celebração da moda americana, mas que irá adquirir um significado totalmente novo em setembro. Após duas temporadas desafiadoras sem reuniões presenciais antecipamos o significante retorno dos desfiles ao vivo. Os desfiles desta temporada são uma oportunidade para reafirmar a resiliência e independência da moda americana e da cidade de Nova York como uma força da moda global", declarou Tom Ford na carta emitida em nome do CFDA.
 
Ford tem desempenhado o cargo de presidente do CFDA, que controla a temporada de desfiles em Nova York, desde junho de 2019.

A Nova Yor pré-pandemia podia se vangloriar de mais de 150 desfiles, sendo a semana da moda mais movimentada do mundo. Resta saber se o número de designers que irão efetivamente realizar espetáculos será superior em setembro. Até agora, apenas Gabriela Hearst, Pyer Moss, Markarian e Jonathan Simkhai confirmaram eventos ao vivo, enquanto grandes nomes como Ralph Lauren, Marc Jacobs e Michael Kors ainda não tomaram uma decisão.
 
"A Met Gala para a exposição do Costume Institute Benefit – intitulada In America: A Lexicon of Fashion – encerrará a New York Fashion Week, cimentando ainda mais este momento para a nossa indústria, e estou entusiasmado por ser o presidente honorário do Benefit", acrescentou Tom Ford.


Coleção Tom Ford para a primavera-verão 2021 apresentada em Nova York - © PixelFormula


Este ano, a Met Gala foi afastada do seu calendário tradicional em maio, em parte para apoiar o renascimento da semana da moda em Nova York. Além de Ford como presidente honorário do Costume Institute - que promove a gala anual de angariação de fundos para o Metropolitan Museum of Art de Nova York - estarão incluídos como copresidentes, Timothée Chalamet, Billie Eilish, Naomi Osaka e Amanda Gorman. Este evento está previsto para o dia 13 de setembro.
 
"Comecei a minha carreira na Sétima Avenida e passei a maior parte da vida profissional na Europa. Estou incrivelmente orgulhoso de ser um designer americano e de fazer parte da nossa comunidade e da New York Fashion Week", afirmou Ford, que foi diretor criativo da Gucci em Milão durante 15 anos e diretor criativo da Yves Saint Laurent em Paris durante cinco anos, antes de se desligar dos cargos em 2004.
 
Desde o lançamento da sua marca homônima, Ford realizou desfile principalmente em Nova York, embora tenha sido criticado pela falta de esprit du corps depois de decidir se apresentar em fevereiro de 2010 em Los Angeles. No entanto, neste outono ele estará de volta a Big Apple.
 
"A New York Fashion Week será realizada de quarta-feira (8 de setembro) a domingo (12 de setembro). A linha de talentos será forte, com os estilistas retornado à semana e, em alguns casos, a Nova York. Estou ansioso por apresentar a minha coleção para a primavera-verão 2022 durante a semana", concluiu o texano de 59 anos.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.