×
Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
16 de ago. de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Tapestry registra queda na receita trimestral

Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
16 de ago. de 2019

As ações da Tapestry Inc caíram ao menor nível em mais de uma década depois que a empresa de moda informou que registrou uma queda inesperada na receita e no lucro no primeiro trimestre.


Coach - campanha primavera 2019 - Tapestry


A empresa disse não ter certeza se as vendas em mesmas lojas da marca Kate Spade irão aumentar. O enfraquecimento da marca centenária, que a Tapestry lutou para recuperar desde a compra em 2017, também levou a empresa a reduzir suas expectativas de crescimento de lucro para o ano inteiro. A luta para eliminar o estoque excessivo da Kate Spade diminuiu o impacto de novas coleções de Nicola Glass, ex-Gucci e Michael Kors, contratada pela Tapestry no ano passado para atualizar os designs da marca.

O CEO da companhia, Victor Luis, atribuiu queda à falta de novidades na linha de bolsas da Kate Spade e aos grandes descontos de marcas concorrentes. O relançamento das coleções de sucesso da Kate Spade, uma estratégia que funcionou na Coach, também não deu certo. "O fato dos clientes não comprarem a marca a preço integral aconteceu porque a grife perdeu sua direção e não está produzindo coleções particularmente atrativas", disse Neil Saunders, diretor da GlobalData Retail.

A Kate Spade, que não tem registrado crescimento nas vendas nas mesmas lojas desde que a Tapestry a adquiriu, deveria alcançado vendas positivas no trimestre reportado, mas as vendas globais em mesmas lojas caíram 6% no quarto trimestre encerrado em 29 de junho e a companhia disse que as elas devem continuar caindo.  Victor Luis não informou quando a marca voltará a registrar resultados positivos.  A empresa disse que irá reduzir as novas aberturas de lojas para focar na melhoria das margens da Kate Spade.

As vendas da Coach, o maior negócio da Tapestry, mantiveram-se estáveis ​em 1,10 bilhão de dólares, em parte devido aos menores gastos turísticos na América do Norte, segundo a empresa. Excluindo itens, a empresa faturou 61 centavos por ação, em linha com as expectativas. As vendas líquidas aumentaram 2%, para 1,51 bilhão de dólares, abaixo das estimativas dos analistas, de 1,53 bilhão de dólares, segundo dados da Refinitiv.

A companhia também prevê um lucro estável para o ano fiscal de 2020, abaixo de uma estimativa anterior de crescimento de dois dígitos. A Tapestry disse que a receita e o lucro do primeiro trimestre devem cair, mas não forneceu números específicos. Os analistas esperavam um aumento de 10,7% no lucro por ação e +4,2% na receita. As ações da empresa caíram cerca de 20%, para 19,36 dólares, a maior perda percentual de um dia desde 2001.

© Thomson Reuters 2021 All rights reserved.