Sob direção-criativa de Ronaldo Fraga, Minas Trend abre suas portas e atividades para o público em geral

Começou nesta segunda-feira a  23ª edição do Minas Trend, com os lançamentos da moda para a temporada Outono-Inverno/2019. Até a próxima quinta-feira, compradores do Brasil e do exterior poderão conferir as coleções de 191 marcas - 82 de vestuário, 72 de joias e bijuterias e 37 de bolsas e calçados -, distribuídas em 246 estandes. Com uma previsão de 15 mil visitantes para esta edição, incluindo 700 compradores vip´s e outros 3 mil espontâneos, o evento já alavancou, no decorrer de sua história, mais de R$ 100 milhões em apoios para empresas do setor. 


Look do desfile de abertura do Minas Trend - Divulgação

Atualmente, a cadeia produtiva da indústria mineira de moda - composta por mais de 10 mil fabricantes -, responde por 23,5% do total de empresas é a segunda maior empregadora do estado, com mais de 130 mil postos de trabalho, número que representa 18% do volume total de trabalhadores na indústria de transformação mineira. O setor também responde por 23,5% do total de empresas que atuam na indústria de transformação mineira. 

Até então restrito a compradores lojistas e profissionais do setor, o Minas Trend abriu suas instalações para a população em geral. Além de poder circular por todas as áreas do evento - com exceção do salão de negócios, que continua exclusivo para compradores -, o público pode participar das atividades promovidas pelos apoiadores e patrocinadores, como também aproveitar o espaço gastronômico e adquirir roupas e acessórios de moda, direto dos fabricantes, na loja temporária instalada no Expominas. 

Renovada, sob a direção criativa de Ronaldo Fraga, esta edição se caracteriza pelo perfil inclusivo em relação ao público e ao diálogo estabelecido com outras vertentes da indústria criativa - como manifestações artísticas, gastronômicas e culturais - além de promover a qualificação e fomento da nova geração de designers mineiros. Dentro desse contexto, pela primeira vez, o desfile de abertura da semana de moda mineira foi totalmente composto por looks de marcas autorais do estado. Participaram do desfile oficial de abertura as marcas Anne Est Folle, Box 19, Camila Akemi, Candê, Diwo, Fe-Lis, Heleve, Jardin, Jessica Andrade, LED, Libertees, Lucas Magalhães, Meniax, Miêtta, Moda Moon, Nouveau Jour, Not Equal, Nuu Shoes,Tatiana Marques, Virgilio Couture e Virgínia Barros. O grupo de designers também participa do salão de negócios do evento.  


O estilista Lucas Magalhães participou do desfile de abertura do Minas Trend - ZE TAKAHASHI / FOTOSITE

Em processo de internacionalização, Lucas Magalhães apresentou na semana mineira a mesma coleção exibida no último mês na Tranoï, em Paris. Lucas voltou da feira com pontos de vendas em Nova York, Milão, Cannes, Mikonos e Ischia. Caftans longos, quimonos e pantalonas são o forte da coleção. Maiôs e hot pants saem das areias direto para as ruas. Peças pensadas para um balneário chique e que transitam por qualquer lugar do mundo. 

"Sempre acreditei no Minas Trend. É um evento já consolidado como a maior feira de moda do Brasil. Estou bem animado com relação às vendas. Essa repaginada do evento, agora nas mãos do Ronaldo Fraga, é um novo respiro, um novo jeito de ver a moda", disse Lucas ao Fashion Network.

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

ModaSalões de Moda
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER