Setor de componentes projeta negócios no Peru e Equador

Fortalecer o intercâmbio comercial e firmar a imagem do Brasil como fornecedor de componentes para calçados no mercado latino-americano. Com essa missão, a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) vai ao Peru e ao Equador, entre os dias 15 a 22 de setembro, para realizar o Projeto Vendedor. O evento tem o apoio da Agência de Promoção de Exportações (Apex-Brasil) e a parceria da Associação Brasileira das Indústrias de Máquinas e Equipamentos para Couros e Calçados (Abrameq).

De 15 a 17 de setembro, o evento ocorre no Peru, em Lima, com a parceria do Centro de Innovación Tecnológica del Cuero, Calzado y Industrias Conexas (Citeccal). Já no Equador, o Projeto Vendedor ocorre de 20 a 22 de setembro, emAmbato. Aprogramação nos dois países também inclui palestras técnicas com o Consórcio Shoe Solution.

Segundo a vice-presidente de Mercado Internacional, Lisiane Kunst Bonhen, o objetivo do Projeto Vendedor é intensificar as ações de promoção comercial com países que têm grande aceitação dos materiais brasileiros. “O Peru e o Equador têm demonstrado crescente receptividade para os componentes brasileiros. É uma grande oportunidade de apresentarmos nossos diferenciais competitivos às empresas e distribuidoras de calçados da América Latina”, destacou.

Em setembro do ano passado, as associadas àAssintecal fecharam cerca de US$ 512 mil em negócios durante o Projeto Vendedor. Neste ano, a expectativa é movimentar em torno de US$ 1,3 milhão em negócios ao longo dos próximos 12 meses.

Copyright © 2019 Exclusivo On Line. Todos os diretos Reservados.

Moda - CalçadosLuxo - CalçadosSalões de Moda
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER