×
Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
11 de nov. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Salvatore Ferragamo: lucro de 40 milhões de euros em nove meses

Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
11 de nov. de 2021

A marca de luxo italiana Salvatore Ferragamo obteve um lucro líquido de 40 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano, reflexo da recuperação da sua atividade, impulsionada pelas vendas na Ásia e nos Estados Unidos após um ano de 2020 perturbado pela pandemia de Covid-19 .


Salvatore Ferragamo - primavera-verão 2022 - moda feminina - Milão - © PixelFormula


No mesmo período de 2020, marcado pela crise sanitária, a marca havia sofrido um prejuízo de 96 milhões de euros.
 
O volume de negócios aumentou 34% no período de janeiro a setembro, para 785,3 milhões de euros, apesar da manutenção das restrições às atividades comerciais em alguns países, observou o grupo em um comunicado divulgado na terça-feira (9).

Após um prejuízo líquido de 72 milhões de euros registado no ano 2020, num contexto económico abalado pela pandemia, a marca de luxo florentina saiu do vermelho no primeiro semestre, apresentando um lucro líquido de 33,4 milhões de euros.
 
A Salvatore Ferragamo, que sofria de um problema de posicionamento de marca, passou por dois anos difíceis em 2017 e 2018, antes de começar a se reerguer em 2019, mas a pandemia travou essa recuperação.
 
A Ásia-Pacífico, que continua a ser o maior mercado do grupo, com mais de 47% das suas vendas (contra 53% um ano antes), viu o seu volume de negócios aumentar 22,7% em nove meses. Na China continental, as vendas de varejo aumentaram 22,1% a taxas de câmbio constantes.
 
Na América do Norte, a receita aumentou 97,1% em nove meses, ainda a taxas de câmbio constantes, e 65,7% no terceiro trimestre.

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.