×
Publicado em
27 de jul. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Risqué é aprovada no programa Leaping Bunny, da Cruelty Free International

Publicado em
27 de jul. de 2022

A Risqué, marca brasileira especializada em esmaltes, líder no segmento no Brasil, foi aprovada no programa Leaping Bunny, da Cruelty Free International, instituição que atua globalmente para extinguir testes em animais. A marca pertence ao grupo americano de beleza Coty e é a segunda do grupo a receber a aprovação.


Risqué


Reconhecido mundialmente por ser o padrão ouro para cosméticos, cuidados pessoais, produtos domésticos e de limpeza livre de crueldade animal, o programa exige requisitos que vão além das legislações restritivas a testes em animais. Sua aprovação é concedida a todos os produtos que integram o portfólio de uma marca e não só a apenas alguns itens.
 
Para que a Coty obtivesse essa aprovação concedida à  Risqué no programa Leaping Bunny, a empresa trabalhou em conjunto com a Cruelty Free International analisando toda a cadeia de fornecedores da marca. “Ao longo do processo, realizamos rigorosa auditoria em toda a cadeia de suprimentos Risqué - envolvendo 134 fornecedores, com 110 matérias-primas e ingredientes individuais sendo submetidos a avaliações específicas. E desse momento em diante teremos constantes auditorias independentes”, explica Henrique Sales, diretor sênior de P&D da Coty Brasil.

“Mais do que nunca, consumidores esperam que as marcas defendam mudanças positivas, oferecendo produtos e experiências que também estejam ligados a muitas preocupações de responsabilidade social corporativa, entre elas as sociais. Essa aprovação é um significativo passo para a Coty Brasil, totalmente em linha com nossa ambição e forte compromisso de promover nossa jornada sustentável no segmento”, diz Regiane Bueno, vice-presidente de Marketing da Coty Brasil. 
 
Michelle Thew, CEO da Cruelty Free International, destaca: “Estamos muito satisfeitos em dar este passo junto à Coty em sua jornada de combate à crueldade animal e felizes em receber a Risqué em nossa família Leaping Bunny. O Brasil é um mercado de cosméticos muito relevante e é ótimo que os consumidores tenham mais uma opção de produtos cruelty free. Parabenizo a Coty e o time Risqué por todo o árduo trabalho que os fizeram conquistar essa nossa aprovação, e animada pela contínua colaboração.”
 
Em 2018, a Coty anunciou Covergirl como sua primeira marca global com a aprovação Leaping Bunny.  Risqué é a segunda. Localmente, a Coty Brasil avalia a aprovação do programa para outras de suas marcas.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.