Revolve se prepara para entrar na Bolsa de Nova York

Revolve Retail Group, Inc., varejista on-line focada em influenciadores e com sede em Cerritos, na Califórnia, apresentou um projeto de IPO à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (Securities and Exchange Commission - SEC) na sexta-feira. A oferta pública inicial deve ser lançada na Bolsa de Valores de Nova York na metade do ano que vem.


A Revolve conta com uma comunidade de mais de 2.500 influenciadores e marcas parceiras. - Instagram: @revolve
 
Revolve espera levantar até 100 milhões de dólares em seu IPO, mas o número de ações que serão disponibilizadas, bem como o preço ainda não foram revelados.

A apresentação de um pedido de registro junto à SEC também forneceu um raro vislumbre dos resultados financeiros do grupo: as vendas líquidas da empresa foram de 399,6 milhões de dólares em 2017, enquanto o lucro líquido foi de 5 milhões de dólares. Para o ano fiscal de 2018, a empresa reportou vendas líquidas de 245,1 milhões de dólares no primeiro semestre do ano, bem como receita de 15,8 milhões de dólares. Isso, combinado com a recente expansão do grupo na Europa, parece sugerir que a Revolve vem obtendo sucesso com seu foco pioneiro no marketing de influenciadores.

O grupo fundado por Michael Karanikolas e Michael Mente em 2003 também destacou os pontos fortes deste sistema na SEC, alegando ter construído "uma comunidade de mais de 2.500 influenciadores e marcas parceiras, incluindo muitas das celebridades mais influentes das redes sociais no mundo, que seguimos e gerenciamos usando a nossa própria plataforma tecnológica interna”.

No entanto, como destacado por The Fashion Law, esta dependência dos influenciadores pode ser problemática para o seu IPO, porque a empresa até agora não conseguiu fazer seu exército de influenciadores respeitarem as diretrizes da Federal Trade Commission (FTC) quanto à transparência de patrocínio nas redes sociais. A FTC estipula que os posts patrocinados devem ser identificados de forma "clara e visível", sugerindo o uso de hashtags como #ad ou #sponsored, e vem reprimindo as violações deste requisito obrigatório nos últimos meses.
 
O Revolve Retail Group conta atualmente com duas plataformas de e-commerce: Revolve.com Fwrd.com, e possui um portfólio de 19 marcas através da Alliance Apparel, Inc., que adquiriu em 2014.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirModa - AcessóriosModa - CalçadosModa - DiversosNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER