×
Publicado em
24 de mai de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Restoque registra prejuízo de 38 milhões de reais no primeiro trimestre

Publicado em
24 de mai de 2021

As restrições impostas para aliviar a segunda onda da Covid-19 no Brasil impactaram negativamente os resultados financeiros da Restoque, proprietária das marcas Le Lis Blanc, Dudalina, Bo.Bô, Rosa Chá e John John.


John John


No primeiro trimestre, a empresa registrou receita líquida de 167.9 milhões de reais, o que representa uma queda de 19,5% comparado ao mesmo período do ano passado. O lucro bruto foi de 82.5 milhões de reais, uma redução de 37,8%, e o prejuízo líquido totalizou 38.0 milhões de reais. Apesar disso, o Ebitda foi positivo em 3,2 milhões devido aos menores gastos no período, informou a companhia em um comunicado. 

A Restoque destacou que, durante o primeiro trimestre do ano, permaneceu com tempo médio de operação de 67% de suas lojas físicas. As vendas em mesmas lojas caíram 16,7%. Por sua vez, o canal b2c registrou queda de 12% nas vendas, para 45 milhões de reais.

Quanto às vendas digitais, seguindo uma tendência observada nos demais players do setor da moda, houve crescimento no primeiro trimestre, sendo 156%, com faturamento recorde de 35 milhões de reais, representando 24% das vendas do canal b2c. A base de clientes ativos cresceu 63% e o ticket médio aumentou 18%.

A companhia ressaltou que, em março, mês marcado pelas restrições ao comércio físico, as vendas digitais totalizaram 17,4 milhões de reais, representando 55,6% das vendas b2c, superando em 631% o mesmo mês do ano passado e em 1632% março de 2019. As vendas digitais b2b totalizaram 10,3 milhões de reais, sendo 23% do total de vendas, com crescimento de 111% comparado ao trimestre anterior.

No período, a gestão eficiente das coleções gerou uma redução de 95 milhões de reais em estoques. As vendas omnichannel cresceram 183%, totalizando 18,2 milhões de reais, e representando 51% das vendas digitais. Um dos destaque no 1T21 foi o lançamento do projeto e-vendedora, que estruturou o formato de venda por WhatsApp integrado com a plataforma de e-commerce, gerando uma evolução de 180%.  

Sobre o desempenho observado no primeiro trimestre, a companhia declarou: “O ano de 2021 teve seu início marcado pela instabilidade gerada pela segunda e mais severa onda da pandemia de Covid-19. Apesar disso, o aprendizado de 2020 e as ações estruturantes adotadas desde o 4T19 nos deixaram mais bem preparados para enfrentar esse novo momento. (…) O desempenho no segundo trimestre, após as reduções das restrições à operação, nos motiva quanto ao potencial de retomada da normalidade, ao crescimento e à melhora nos indicadores operacionais e financeiros para o restante do ano.”

A Restoque encerrou o primeiro trimestre de 2021 com com 224, 28 a menos que o mesmo período do ano passado, sendo 86 Le Lis Blanc, 60 Dudalina, 20 Bo.Bô, 49 John John e 9 Rosa Chá.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.