×
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
17 de jun de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Ralph Lauren quer zerar suas emissões até 2040

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
17 de jun de 2021

A marca americana Ralph Lauren Corporation publicou o seu relatório global de responsabilidade social e ambiental para o ano fiscal de 2021. No documento, ela descreve as medidas tomadas para melhor proteger o ambiente e garantir o respeito pelos direitos sociais e estabelece novos objetivos ambiciosos, incluindo a redução das suas emissões de gases de efeito estufa para zero até 2040.


Ralph Lauren quer zerar suas emissões até 2040 - Instagram: @ralphlauren


A marca nova-iorquina já tinha definido como meta reduzir 30% as suas emissões de gases de efeito estufa em 2021 em relação a 2020, todas as atividades somadas e em toda a sua cadeia produtiva. Este novo desafio é acompanhado por um manifesto de compromisso de zero emissões, que detalha como a Ralph Lauren planeja atingir o seu objetivo.
 
Pela primeira vez, a empresa inclui o índice Task Force, aplicado a publicações financeiras relativas ao clima, em seu relatório anual. O grupo quer ser transparente na resolução dos problemas ambientais e sociais. Este novo documento inclui também mais informações sobre os locais de produção da marca, listando todas as fábricas nível 1, que respondem por 90% do volume de atividade em vestuário e têxteis para o lar da Ralph Lauren.

O último relatório do grupo mostra ainda os avanços alcançados no domínio da diversidade. Mais uma vez, a empresa estabeleceu várias metas, incluindo ter pelo menos 20% de dirigentes oriundos de grupos raciais e étnicos sub-representados até 2023.

Patrice Louvet, presidente e CEO da Ralph Lauren Corporation, descreve em comunicado: “A pandemia, a crise climática e os diferentes apelos para agirmos juntos no combate ao racismo sistêmico atuaram como um catalisador para a comunidade empresarial, que renovou os seus esforços e trabalhou arduamente para promover um futuro mais justo e sustentável. Na Ralph Lauren, estas são causas que nos tocam especialmente, como evidenciado pelo progresso feito pelas nossas equipes ao longo do ano passado: mais transparência, objetivos climáticos e integração de variáveis de RSC na remuneração dos dirigentes.”

Este relatório identifica também outros objetivos alcançados, como a produção de 33% de produtos feitos com materiais sustentáveis até ao ano fiscal de 2021 e o lançamento de uma estratégia de circularidade em três etapas. A marca pretende obter a certificação Secure Cradle to Cradle para cinco dos seus produtos mais icônicos até 2025, oferecer experiências de revenda e reciclagem aos consumidores até 2022 e lançar os seus primeiros produtos em 100% algodão reciclado até 2025.

Ao longo do último exercício fiscal, a empresa também lançou o seu programa Color on Demand, que utiliza o primeiro sistema em grande escala de tingimento de algodão sem descarte de águas residuais. E continua a sua parceria com a WWF.
 
À frente da Ralph Lauren Corporate Foundation, o grupo de moda também doou 20 milhões de dólares para instituições de caridade durante o ano fiscal de 2021.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.