×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
31 de mar. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

PVH encerra um 2021 estelar com aumento de 28% nas vendas

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
31 de mar. de 2022

A PVH Corp. anunciou na terça-feira (29) que sua receita e lucro superaram todas as previsões  no quarto trimestre. A empresa, proprietária de marcas como Calvin Klein e Tommy Hilfiger, encerrou 2021 com um aumento de 28% no lucro e margens operacionais acima dos níveis pré-pandemia.


A receita de 2021 aumentou 28% para 9,155 milhões de dólares, em comparação com 2020 - Calvin Klein


A empresa, que tem sede em Nova York, disse que a receita do quarto trimestre aumentou 16% (20% em moeda constante) para 2,43 bilhões de dólares, em comparação com o mesmo período do ano anterior, apesar das interrupções contínuas na cadeia de suprimentos e logística e do impacto da pandemia de coronavírus.

Esses números refletem os bons resultados dos negócios internacionais da empresa, impulsionados, principalmente, pelas atividades na Europa. As vendas online aumentaram 10% e as vendas diretas ao consumidor aumentaram 13%. A receita do atacado, por sua vez, teve alta 20% devido ao impacto favorável da mudança no calendário de remessa de atacado dos EUA do terceiro para o quarto trimestre, como resultado de dificuldades logísticas em outubro.

Por marca, a receita da Tommy Hilfiger no ultimo trimestre aumentou 18%, graças ao incremento de 20% nas vendas internacionais e de +14% no mercado norte-americano. As vendas trimestrais da Calvin Klein aumentaram 27%, impulsionadas por uma alta de 32% na América do Norte e de 24% internacionalmente.

O lucro líquido do trimestre ascendeu a 390,8 milhões de dólares, o que representa um regresso à normalidade face ao prejuízo trimestral do ano anterior de 58,1 milhões de dólares, conforme divulgado pela empresa em comunicado.

"Entregamos receita e lucro sólidos no quarto trimestre, acima das expectativas", declarou Stefan Larsson, CEO da PVH Corp. "Em 2021, executamos nossas prioridades de recuperação acelerada, alcançando margens operacionais acima dos níveis pré-pandemia de 2019 e à frente de nossas projeções, impulsionados por uma forte expansão da margem bruta, posicionando a PVH ainda melhor para conquistar o consumidor neste 'novo normal' e oferecer um crescimento lucrativo sustentável a longo prazo".

A receita do ano inteiro de 2021 aumentou 28%, para 9.155 milhões de dólares (+26% em moeda constante) em comparação com 2020, enquanto a receita dos canais digitais cresceu aproximadamente 30% em relação a 2020. Por marca, a receita da Tommy Hilfiger cresceu 29%, enquanto a Calvin Klein cresceu 39%.

O lucro líquido do ano foi de 952 milhões de dólares, recuperando-se de perdas de 1,1 bilhão de dólares em 2020.  Para 2022, a PVH espera um crescimento de receita de 2-3%.

"Olhando para o futuro, estamos confiantes na robustez e força de nossos negócios e em nossa capacidade de impulsionar um forte crescimento de receita e lucros, com o respaldo daquilo que está sob nosso controle, apesar do aumento da volatilidade macroeconômica e geopolítica nos últimos meses, incluindo a guerra na Ucrânia, o impacto da pandemia global e as pressões inflacionárias que vemos em todas as nossas regiões", acrescentou Larsson.

"Enfrentaremos os desafios em 2022 e faremos isso alavancando a marca e os produtos de nossas duas marcas internacionais mais icônicas, Calvin Klein e Tommy Hilfiger, fortalecendo o digital, aprimorando ainda mais nosso envolvimento do consumidor e impulsionando a eficiência por meio de investimentos em nossas áreas estratégicas de crescimento", concluiu o executivo.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.