×
894
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Puig prevê que Paco Rabanne e Carolina Herrera atinjam vendas de bilhões de euros cada uma

Por
Europa Press
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
today 21 de mai de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

A multinacional espanhola Puig, que se dedica ao setor das fragrâncias e da moda, está trabalhando para que as suas icónicas marcas Paco Rabanne e Carolina Herrera alcancem vendas de bilhões de euros cada uma a curto prazo, com o objetivo de atingir um volume de negócios de 3 bilhões de euros.


Torre Puig, sede corporativa da empresa Puig Puig Puig Puig - Puig


"Estamos trabalhando para elevar a nossa quota de mercado através de aquisições. Queremos aumentar o nosso crescimento orgânico e atingir vendas de 3 bilhões de euros, por isso estamos trabalhando para que as marcas Carolina Herrera e Paco Rabanne atinjam vendas de bilhões de euros cada uma", explicou o diretor de marcas, mercados e operações da Puig, José Manuel Albesa, na sua participação no “FT Business of Luxury Summit", reiterando que a empresa descarta fusões comerciais.
 
Albesa salientou que a Puig é uma empresa que optou pela "disrupção" no segmento dos perfumes, tendo lançado produtos inovadores e também alternativos às fragrâncias. Para impulsionar o seu crescimento internacional, a empresa aposta em novas estratégias, vendendo também acessórios, além de perfumes e maquilhagem.

"Também estamos a fomentar as nossas linhas de maquilhagem na Ásia, com a aquisição de novas marcas. Estamos crescendo muito e queremos desenvolver a nossa estratégia. A Puig mantém o seu conceito de empresa familiar, mas quer crescer rapidamente", explicou em relação às aquisições recentemente feitas na Índia ou na Colômbia.

Além disso, Albesa defendeu a importância de permanecer um negócio familiar. "Não há nada de errado em ser uma empresa familiar, já que estamos entre Paris e Barcelona. Somos uma empresa familiar mediterrânea e isso define a nossa identidade: combinamos a bravura da economia espanhola com uma perspetiva global", explicou.
 
Albesa reiterou que a empresa de moda e perfumaria continua comprometida com plataformas locais e regionais com posições de liderança no setor da beleza, como é o caso da Granado no Brasil ou da Kama Ayurveda na Índia.

A Puig, que conta também com as marcas Jean Paul Gaultier e Nina Ricci, obteve um lucro líquido de 242 milhões de euros em 2018, um aumento de 6%, e vendas de 1,933 bilhão de euros, dos quais 86% se realizaram fora de Espanha: 45% no resto dos mercados europeus e nos Estados Unidos, e 41% nos mercados emergentes, enquanto Espanha representou 14%.

Copyright © 2019 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.