×
Por
Europa Press
Publicado em
1 de jun de 2015
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Primeira-dama do Peru gasta US$ 38 mil em joias, vestidos e outros luxos

Por
Europa Press
Publicado em
1 de jun de 2015

Lima (Notimérica) - Após o anúncio da abertura de investigação pela Primeira Promotoria Supranacional do Peru, especializada em lavagem de dinheiro, de uma transferência de mais de 80 mil dólares para a primeira-dama peruana, Nadine Heredia, procedente da Venezuela, veio à tona os gastos de luxo da mulher do presidente Ollanta Humala, que também serão investigados.

A primeira-dama, Nadine Heredia, e o presidente do Peru, Ollanta Humala.Foto: Reuters


Segundo a Promotoria de Lavagem de Ativos com base em relatórios e informes da Unidade de Inteligência Financeira, a primeira-dama Nadine Heredia gastou, em 18 meses, mais de 38 mi dólares, cerca de 15 mil sóis (moeda peruana: Novo Sol) em compras de artigos de luxo.

O que é surpreendente é que Nadine Heredia estas despesas imputadas à conta de seu amigo e testemunha do casamento, Rocío Calderón Vinatea, a qual lhe forneceu um cartão de crédito adicional Visa Platinum vinculado à sua conta, segundo informou o diário Cuarto Poder. Uma lista que é um verdadeiro roteiro de marcas de luxo e de esbanjamentos.

Na lista divulgada, destacam-se os seguintes gastos:

- 1.800 dólares na joalheria H.Stern, no Brasil, durante a questionada viagem que realizou no avião presidencial em abril de 2013 para reunir-se com a presidente brasileira Dilma Rousseff.

- Roupas de praia da marca Onda del Marno num total de 592 dólares, durante uma viagem junto ao seu marido à Cartagena, Colômbia.

- 2.400 dólares em uma delicada renda veneziana adquirida na cidade de Veneza, Itália.

- 1.200 dólares em camisas inglesas Thomas Pink e 2.300 dólares em artigos Louis Vuitton, que a primeira-dama comprou em Roma, Itália.

- Vestidos Oscar de la Renta de 3.000 dólares na loja nova-iorquina do criador de moda dominicano em abril de 2014.

- 1.200 dólares em peças Ermenegildo Zegna adquiridas também em Nova York.

- Mais de 5.000 dólares em Florença, Itália, na seleta T-Ristori.

- Em agosto de 2014, aproveitou o verão em Nova York para comprar roupas de vicunha, na loja Loro Piana por 1.000 dólares.

- Artigos de decoração por 300 dólares na Bélgica em uma loja da cidade de Bruges.

Resposta da Amiga

Diante da promotoria, Rocío Calderón declarou que as joias, vestidos e demais artigos comprados pela primeira-dama eram para ela. Ou seja, que a amiga aproveitava as viagens de Heredia ao exterior para encarregar-lhe de compras e, por isso, lhe deu um cartão adicional. Uma versão da qual estão comprovando a sua veracidade.

Rocío Calderón Vinatea é amiga da primeira-dama desde a infância. Advogada com mestrado na Espanha, antes que o nacionalismo chegasse ao governo já tinha feito carreira na administração pública principalmente em Chancelaria.

Com a chegada dos Humala ao governo, Calderón, fez parte do diretório do OSCE, Organismo Supervisor de Contratações do Estado, e atualmente trabalha na secretaria da Presidência da República, onde desempenha a função de assessora legal. Recebe um salário mensal de 15.200 sóis (4.800 dólares).
 

Copyright © 2021 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.