×
Por
EFE
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
22 de nov. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Presidente da Prada revela que o seu filho Lorenzo lhe irá suceder

Por
EFE
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
22 de nov. de 2021

O diretor executivo da marca de moda italiana Prada, Patrizio Bertelli, confirmou na sexta-feira (19) em Milão a sua intenção de se reformar e revelou que o seu filho Lorenzo lhe sucederá dentro de alguns anos à frente do grupo de luxo, porque "tem a atitude certa".


Imagem de arquivo dopresidente da Prada, Patrizio Bertelli, com a sua esposa, a designer italiana Miuccia Prada - EFE


Na apresentação do plano estratégico do grupo, que registou um boom de vendas no último trimestre do ano, com uma subida de 400% em relação ao mesmo período de 2019, Bertelli declarou: “Vamos dar todos os passos da melhor maneira, sejam três ou quatro anos (...), ele vai decidir.”
 
Sobre a intenção de se aposentar, Bertelli disse que, aos 75 anos, lhe parece uma decisão normal, acrescentando: "Me diverti, fiz muitas coisas."

Seu filho Lorenzo, que é atualmente diretor de Marketing e líder de Responsabilidade Social e Corporativa, confirmou que ainda não está decidido quando substituirá o pai: “Não sei se será dentro de três, dois ou cinco anos, mas quando existe um plano de sucessão é necessário que seja bem planejado, caso contrário não irá funcionar.”
 
O responsável da Prada assegurou que a pandemia de coronavírus mudou o luxo e que “as gerações Y e Z, os jovens, serão cada vez mais importantes”.
 
“Estão surgindo novos fatores de sucesso” para competir neste mercado, sublinhou. Nesse sentido, o grupo “mudou a sua relação com o cliente, focando-se na sustentabilidade e dando atenção às questões sociais”, indicou, acrescentando que agora será “fundamental um foco no cliente local, sem perder de vista do turismo”.

© EFE 2021. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos dos serviços Efe, sem prévio e expresso consentimento da Agência EFE S.A.