×
96
Fashion Jobs
CAMICADO
Product Owner - E-Commerce - Aplicativo App Mobile - Camicado
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Analista de Business Intelligence bi - Tecnologia - Camicado
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Product Owner - Operações de E-Commerce - Site/ App - Camicado
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Product Owner - E-Commerce - Site - Camicado
Efetivo - CLT · São Paulo
CAMICADO
Product Owner - E-Commerce - Omnichannel - Camicado
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Cidade de São Paulo
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Center Shopping Uberlândia
Efetivo - CLT · Uberlândia
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Del Rey
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Uberaba
Efetivo - CLT · Uberaba
AMARO
Compliance Analyst
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
YOUCOM
Gerente de Loja Especializada | Youcom
Efetivo - CLT · Itajaí
AMARO
Gerente de Guide Shop - Campinas (Iguatemi)
Efetivo - CLT · Campinas
AMARO
Category Planning Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Banco de Talentos - Comunidade Negra
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Android Developer
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Banco de Talentos - Comunidade Lgbtqi+
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Banco de Talentos - Mulheres em Tecnologia
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Ios Mobile Developer
Efetivo - CLT · São Paulo
YOUCOM
Gerente de Loja Especializada Youcom
Efetivo - CLT · São Leopoldo
YOUCOM
Consultor de Vendas - Youcom
Efetivo - CLT · Ponta Grossa
YOUCOM
Consultor de Vendas - Youcom
Efetivo - CLT · Blumenau
YOUCOM
Consultor de Vendas Senior Youcom
Efetivo - CLT · Belo Horizonte

Prêmio LVMH anuncia os finalistas de 2020

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
11 de mar de 2020
Tempo de leitura
4 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Rihanna, Stella McCartney e Virgil Abloh jurados prestigiado Prêmio LVMH, que acabou de revelar os nomes dos oito finalistas para a sua edição de 2020.


Prêmio LVMH anuncia finalistas


O novo trio junta-se a nove membros do júri, agora composto por 12 membros no total.

A LVMH também anunciou os nomes dos finalistas deste ano: Ahluwalia, Casablanca, Chopova Lowena, Nicholas Daley, Peter Do, Sindiso Khumalo, Supriya Lele e Tomo Koizumi. Estes últimos foram escolhidos entre 20 semi-finalistas por um júri de 68 especialistas, durante uma apresentação de dois dias, realizada no showroom da sede da LVMH, na avenida Montaigne, durante a Semana de Moda de Paris, no mês passado.

O novo trio "vai juntar-se ao nosso prestigioso painel, que já inclui Jonathan Anderson, Kris Van Assche, Nicolas Ghesquière, Maria Grazia Chiuri, Marc Jacobs, Clare Waight Keller, assim como Sidney Toledano, Jean-Paul Claverie e eu próprio. Gostaria de agradecer o envolvimento e apoio à jovem criação. O Prmio é uma oportunidade incrível: Permite a estes jovens criadores serem avaliados pelos membros do júri e beneficiarem dos seus conselhos", comentou Delphine Arnault, fundadora do prestigiado prémio. A sua família controla o Grupo LVMH, o maior de moda e luxo do mundo, cujo portfólio inclui as casas Louis Vuitton, Christian Dior, Fendi, Marc Jacobs e outras marcas de prestígio internacional.

Naturalmente, os três novos membros do júri trabalham dentro do império da LVMH. A cantora e estilista Rihanna lançou a marca Fenty em maio passado como parte de uma joint-venture com a LVMH. Stella McCartney entrou no grupo, também no ano passado, vendendo uma parte minoritária do seu capital à LVMH. Virgil Abloh, o diretor criativo da marca Off-White, também está à frente do prêt-à-porter masculino da Louis Vuitton desde a primavera de 2018, não tendo participado na edição de 2019 do prémio.

No dia 5 de junho, este novo júri irá selecionar coletivamente o próximo vencedor do Prêmio LVMH 2020 e do Prêmio Karl Lagerfeld.


Sindiso Khumalo -Photo: FashionNetwork.com / Godfrey Deeny


"Este ano, mais uma vez, os semifinalistas impressionaram-nos com a sua criatividade e empenho na criação de vestuário amigo do ambiente. Gostaria de felicitá-los", acrescentou Delphine Arnault num comunicado à imprensa.

"Cinco dos finalistas desenham roupas de mulher. Os outros três finalistas apropriaram-se dos códigos de prêt-à-porter dos homens. Pela primeira vez, vamos receber um designer búlgaro nesta fase do concurso. Além disso, após o sucesso de Thebe Magugu, vencedor da edição de 2019, temos o prazer de receber outro designer sul-africano entre os finalistas. Os oito candidatos têm todos em comum o facto de serem muito talentosos nas suas respectivas áreas e de serem capazes de mostrar os respectivos conhecimentos", explica o Vice-Presidente Executivo da Louis Vuitton.

Cinco dos finalistas estão baseados em Londres, e os outros em Nova Iorque, Tóquio e Cidade do Cabo.

Provavelmente o mais conhecido até à data é Tomo Koizumi, que causou sensação no ano passado com um desfile de moda confidencial na loja Marc Jacobs no Upper East Side, apresentando as suas criações sobrecarregadas de rufos hiper-coloridos. Desde então, duas destas silhuetas foram apresentadas na exposição "Camp: Notes on Fashion" do Instituto do Traje, no Metropolitan Museum of Art, em Nova Iorque.


Tomo Koizumi -Photo: FashionNetwork.com / Godfrey Deeny


Peter Do é o favorito: Ganhou a secção "Graduado" do Prémio LVMH em 2014, durante a sua primeira edição. Como Martin Margiela, Peter Do recusa-se a tirar foto - no showroom do mês passado, ele só podia ser fotografado por trás.

Sindiso Khumalo também impressionou os especialistas com a sutileza com que tratou a sua inspiração, a princesa africana Sara Forbes Bonetta, que foi resgatada da escravidão no século XIX e, mais tarde, tornou-se a afilhada da rainha Victória.

Nicholas Daley, de ascendência escocesa e africana, é um antigo finalista do Prêmio Woolmark e refere-se frequentemente aos seus próprios pais e ao Reggae Club que dirigiram de 1978 a 1982.

Casablanca é a marca registrada de Charaf Tajer. O estilista francês nascido em Marrocos, que adora estrelas francesas do hip-hop e do rock, organizou um desfile de moda no calendário oficial da Semana da Moda Masculina de Paris, em janeiro.


Emma Chopova et Laura Lowena - Photo: FashionNetwork.com / Godfrey Deeny


Priya Ahluwalia é de origem indiana e nigeriana. Formada pela Universidade de Westminster, usa velhos stocks de roupa e tecidos reciclados para dar nova vida aos têxteis.

Supriya Lele é britânica de ascendência indiana; usa tecidos indianos antigos para criar uma peça de vestuário de prêt-à-porter elegantemente esculpida a partir de uma mistura de vinil, mohair, malhas e madras.

Partilhando a atual obsessão pela reciclagem, a dupla formada pela americana búlgara Emma Chopova e pela parceira britânica Laura Lowena, reutiliza tudo - desde tapetes antigos a tapeçarias - para criar kilts, tops e estojos para telemóveis.

No ano passado, o 24S, site de comércio electrónico do grupo LVMH, teve a ideia de distribuir uma coleção de peças em cápsula desenhadas pelos oito finalistas, bem como uma seleção de modelos desenhados pelo vencedor do prémio, Thebe Magugu.

"Este ano, o 24S e Matchesfashion.com vão apoiar os finalistas do Prémio LVMH para os ajudar a ganharem visibilidade internacional", diz a LVMH, sem mais detalhes.
 

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.