×
Por
Agência LUSA
Publicado em
17 de out. de 2016
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Portugal Fashion: Atlântico joga na perfeição com Buchinho e Xiomara

Por
Agência LUSA
Publicado em
17 de out. de 2016

O azul do oceano Atlântico jogou na perfeição com as cores mais icônicas do ‘designer’ Luís Buchinho que se estreou no Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões (Matosinhos), no último dia do 39.º Portugal Fashion.

Luis Buchinho - 39.º Portugal Fashion - Porto - Foto: View Fashion Book


Ao quarto e último dia do Portugal Fashion 2017 (sábado), a organização inovou e apresentou desfiles de moda pela primeira vez no Terminal de Cruzeiros de Leixões, levando milhares de fãs da moda portuguesa àquele novo espaço arquitetónico do Norte de Portugal, onde se pode apreciar as coleções de Luís Buchinho e de Katty Xiomara com o Atlântico como pano de fundo.

O vermelho e o amarelo na paleta de cores, com detalhes em tons metálicos, como o cobre e o níquel, deram um ar de verão às peças da nova coleção de Buchinho hoje apresentada, mas os tons mais ‘dark’, como os azuis, roxos e os pretos mantiveram-se como denominador comum em toda a coleção, aliás um facto que já faz parte da “história” e “ADN” do próprio estilista.

Em entrevista à Lusa, o criador português define esta nova coleção como “muito dinâmica”, tanto a nível de materiais “leves” e “fáceis de transportar”, como tendo uma vertente “desportiva muito presente”.

Luis Buchinho - 39.º Portugal Fashion - Porto Foto: View Fashion Book


“Silhuetas que se querem à mesma femininas e sexy, mas com uma vertente desportiva, principalmente na pormenorização presente em quase todas as peças da coleção”, descreveu Luís Buchinho, considerando que por ser verão subiu ainda mais a altura das minissaias.

A coleção da estilista Katty Xiomara, “Corrente de Agulhas”, que remete para correntes perigosas que os navegadores portugueses no século XV aproveitaram a seu favor para chegar ao Oriente de forma mais rápida, não podia ter tido um cenário mais apropriado como o do Terminal de Cruzeiros, junto do mar, com as gaivotas a sobrevoar o desfile.

Katty Xiomara - 39.º Portugal Fashion - Porto - Foto: View Fashion Book


“A coleção tem uma relação muito próxima com o mar”, explicou Katty Xiomara, referindo que tentou levar essa inspiração marítima para as suas peças socorrendo-se, por exemplo, das criaturas do fundo do mar, mesmo as mitológicas como as sereias, ou os polvos e peixes, que se podem identificar nos motivos do calçado que apresentou.

Peças curvilíneas e sensuais como o corpo das sereias, as malhas como as redes dos pescadores ou as escamas dos peixes refletidas nas lantejoulas são alguns dos exemplos que Xiomara revelou para demonstrar como adaptou o conceito da “corrente de agulhas” à sua roupa.

Katty Xiomara - 39.º Portugal Fashion - Porto Foto: View Fashion Book


Enquanto o desfile de Buchinho foi no interior do Terminal de Cruzeiros, o da Katty Xiomara foi ao ar livre, um risco elevado, porque esteve na iminência de chover, mas que, segundo a ‘designer’, valeu a pena ter corrido, porque o cenário era “magnífico”, e porque a coleção de espírito náutico, com padrões de xadrez, riscas e letras aplicadas em estampas, bordados e recortes “ganhou muito mais no exterior”.

O edifício do Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões está a uns 700 metros da costa marítima, foi desenhado por Luís Pedro Silva e inaugurado em julho de 2015, tendo tido um investimento de 50 milhões de euros.

Copyright © 2022 Agência LUSA. Todos os direitos reservados.