×
Publicado em
5 de out. de 2016
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Paraty Eco Festival chega à sua 6ª edição em clima de festa

Publicado em
5 de out. de 2016

Ah Paraty, quem conhece não volta só uma vez. Fora o clima agradável e as belezas da cidade do sul fluminense, entre 12 e 23 de outubro de 2016, o Instituto Rio Moda e o Instituto Colibri realizam a 6ª edição consecutiva do Paraty Eco Festival, projeto que incentiva e valoriza propostas inovadoras e criativas, fortalecendo a cultura local nas diversas regiões brasileiras.

Desfile da 5ª edição do evento realizado na na Praça da Matriz. - Foto: Paraty Eco Festival

 
Considerando a efervescência cultural de Paraty e as grandes celebrações de datas como Festa do Divino, Corpus Christi e Carnaval, neste ano o evento terá como tema central as Festas de Paraty.
 
Uma das principais atrações: as Rodas de Discussão, que vão contar com profissionais do mercado de moda para discutir o desenvolvimento sustentável da indústria. Entre os palestrantes, estarão o reconhecido estilista Dudu Bertholini, André Carvalhal, um dos fundadores da plataforma de moda sustentável MALHA, e Karina Meyer, diretora de marketing da The Body Shop Brasil, uma das primeiras marcas de cosméticos com preocupações e ações sustentáveis.

Ainda haverá Fernanda Simon, coordenadora do movimento Fashion Revolution no Brasil, a estilista Flavia Aranha, que trabalha os conceitos de slow fashion e moda sustentável e Bárbara Mattivy e Pamela Magpali, fundadoras da marca de sapatos veganos Insecta Shoes.
 
Já entre os dias 21 e 22, o festival também oferece oficinas. Na primeira, de Inovação Responsável com Foco no Mercado Europeu, os participantes vão conhecer o panorama de inovação responsável no mercado europeu, discutindo como adaptar estes conceitos à realidade da moda brasileira.

Mostra durante o evento - Foto: Paraty Eco Festival


Em seguida, a Oficina de Novos Negócio, de análise de tendências e cases a fim de desenvolver a sensibilidade para a observação de tendências de moda e comportamento como forças influenciadoras em Economias Criativas.
 
No sábado, 22 de outubro, a estilista Flávia Aranha compartilha técnicas de impressão têxtil na Oficina de Impressão Botânica e a artista visual Mônica Nador, diretora do espaço Jardim Miriam Arte Clube (JAMAC), uma associação sem fins lucrativos formada por artistas e moradores do bairro Jardim Miriam, na Zona Sul de São Paulo, trabalha as referências dos participantes na Oficina de Co-Criação de Estampas.
 
A programação intensa também inclui desfiles, sessões de cinema, feira criativa e o tradicional Cortejo de Barcos. Já as inscrições nas vivências podem ser realizadas diretamente no site do Instituto Rio Moda, clicando aqui.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.