Novo estudo diz que progresso da sustentabilidade está desacelerando na indústria da moda

A sustentabilidade é um tema que está em alta na indústria da moda, mas de acordo com um novo relatório, o ritmo do progresso está desacelerando.


H&M

A atualização da "Pulse of the Fashion Industry" para 2019 - uma avaliação anual do desempenho ambiental e social do setor da moda publicada pela Global Fashion Agenda (GFA), Boston Consulting Group (BCG) e Sustainable Apparel Coalition (SAC) - sugere que a indústria não está se movendo com rapidez suficiente para contrabalançar o impacto prejudicial no planeta apresentado por seu próprio crescimento. De acordo com o estudo, o progresso diminuiu em um terço no ano passado, o que significa que a indústria de vestuário continua sendo um contribuinte líquido para a mudança climática.

"Estas últimas descobertas enfatizam que é de extrema importância que toda a indústria participe e acelere a mudança agora", disse Morten Lehmann, diretor de sustentabilidade da Global Fashion Agenda, em um comunicado. "A ampliação das soluções existentes dependerá da liderança das marcas. No entanto, algumas mudanças implicarão na cooperação entre os formuladores de políticas e as partes interessadas em toda a cadeia de valor”.

O relatório usa uma medida chamada "Pulse Score" para registrar o progresso da sustentabilidade no mundo da moda. Enquanto esta pontuação aumentou de 38 para 42 (de um máximo de 100) em 2019, no ano passado houve um crescimento mais rápido, com um aumento de seis pontos na pontuação. O estudo prevê que, se a pontuação da indústria continuar na trajetória atual, ela não irá compensar a produção da indústria de roupas e calçados - que deve crescer 81%, para 102 milhões de toneladas, até 2030.

Várias marcas de moda têm abordado a questão da sustentabilidade nos últimos anos, com iniciativas recentes que vão desde um sapato totalmente reciclável sendo testado pela Adidas, até o anúncio feito em abril pelo H&M Group de que 57% dos materiais usados por ele estão sendo criados usando fibras recicladas ou de outra origem sustentável.
 

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 AFP-Relaxnews. All rights reserved.

Moda - Pronto-a-vestirTêxtilIndústria
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER