×

Nova Iorque: Ralph, Tommy e Tom não marcam presença

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
today 23 de dez de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

O Council of Fashion Designers of America (CFDA) desvendou o seu calendário provisório de desfiles de prêt-à-porter feminino para fevereiro. Três das cinco casas mais famosas do país estão ausentes.


Tommy Hilfiger - outono-inverno 2018 - Pronto-a-vestir Feminino - Milão - © PixelFormula


Os nomes de Ralph Lauren e Tommy Hilfiger nem aparecem no calendário, que agora está disponível no site do CFDA. E, embora Tom Ford faça parte do calendário da Semana da Moda de Nova Iorque, o seu desfile acontecerá em Los Angeles.
 
Segundo um porta-voz da Ralph Lauren, a casa "ainda está a pensar na possibilidade de um evento". O último desfile da Ralph Lauren, em setembro, foi um dos destaques da temporada americana: o designer mais famoso do país construiu um clube noturno em Wall Street, onde as modelos usavam vestidos de noite e smoking, antes de um concerto de Janelle Monáe.

Quanto a Tommy Hilfiger, este deverá revelar em breve a localização do seu desfile outono-inverno. Nas últimas temporadas, o criador apresentou desfiles "See now, buy now" em colaboração com personalidades como Gigi Hadid ou Lewis Hamilton, nos quatro cantos do mundo, de Los Angeles a Londres, passando por Milão e Xangai. Em setembro, apresentou a sua coleção mista, criada em colaboração com Zendaya, no Apollo Theatre, no Harlem.

Tom Ford, embora seja presidente do CFDA, que controla o calendário oficial da moda em Nova Iorque, já anunciou a sua intenção de desfilar em Los Angeles, dois dias antes dos Oscars.

Por fim, o novo nome mais falado em Nova Iorque nas últimas temporadas, Pyer Moss, a marca do muito talentoso designer americano-haitiano Kerby Jean-Raymond, planeia regressar à passarela de Nova Iorque em setembro próximo. Mas, no início do próximo ano, a sua coleção será apresentada num showroom parisiense, durante a temporada da moda masculina francesa.
 
A temporada feminina, que dura cinco dias, começa na sexta-feira, 7 de fevereiro, com Monse e termina, de acordo com a tradição, com o desfile de Marc Jacobs na quarta-feira, 12 de fevereiro. Ao todo, são 69 desfiles e quatro eventos importantes no calendário oficial. Um programa completo, com nada menos que quinze desfiles só no sábado.

Esta temporada será precedida por uma "mini fashion week" de três dias para o prêt-à-porter masculino, com cerca de vinte criadores americanos, principalmente marcas jovens.
 
Embora muitas vezes associada à presença de celebridades extravagantes e às suas festas loucas, a temporada feminina de Nova Iorque ainda conta com alguns grandes talentos americanos: Proenza Schouler, Rodarte, Brandon Maxwell, Tory Burch, Michael Kors e The Row, para citar alguns. E as passarelas de Manhattan também receberão grandes nomes do estrangeiro, como Sies Marjan, Zimmerman, Palm Angels ou Longchamp.

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.