×
879
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Missão Comercial do CICB aos Estados Unidos: resultados

Por
Exclusivo
Publicado em
today 19 de dez de 2012
Tempo de leitura
access_time 5 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-


Recepções honrosas marcaram a Missão Comercial aos Estados Unidos que o Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) e Apex-Brasil realizaram recentemente. Por meio desta iniciativa, dez empresas de curtumes do Brasil participaram de uma agenda de visitas técnicas, rodadas de negócios e estreitamento de relações com personalidades-chave da indústria coureira dos Estados Unidos, nos Estados da Carolina do Norte e do Texas. A missão deve gerar um protocolo de intenções que irá aumentar as exportações de couro acabado do Brasil para o país americano.

O grupo do Brasil foi recepcionado por Jesse Jector, distribuidor de couros nos Estados Unidos e diretor da divisão couros do ITMA (International Market Association). O americano recebeu os brasileiros na cidade de High Point, na Carolina do Norte, e, com a direção do CICB, coordenou as atividades nos primeiros dias da missão. Em sua palestra de boas-vindas, Jector forneceu detalhes sobre o funcionamento das importações de couro para o mercado de estofamento em seu país. “Aqui, há duas maneiras de comercializar o couro: ou por meio de um distribuidor, o que é mais fácil, ou por meio de venda direta ao fabricante”, explicou.

MERCADO MOVELEIRO
No segundo dia da missão, o grupo brasileiro foi recebido com exclusividade na fábrica de móveis Leathercraft Furniture, que abriu suas instalações em horário especial somente para a visita da missão comercial CICB / Apex-Brasil. Há mais de 40 anos fabricando móveis em couro com alto padrão de excelência, a Leathercraft Furniture designou um de seus altos gestores para explicar o modo de trabalho e relações que fez dela uma referência nos Estados Unidos. No local, foi observado o estoque de 400 tipos de cores de couro em diversos artigos de todo o mundo, os respectivos cortes e o que é valorizado pela empresa na hora de escolher um fornecedor.

O segundo dia da missão também marcou a estreia dos brasileiros na visitação à Show Time Market, feira de fornecedores de couro e acessórios para móveis. A feira tem acesso restrito, com entrada e visitação aos estandes somente por meio de agendamentos. Os brasileiros puderam, com esta visita, conhecer as novidades, tendências e os grandes fornecedores de couro e tecidos para o mercado moveleiro. A visita à Show Time Market encerrou-se com um jantar oferecido pela direção da feira e um convite oficial para participação na próxima edição do evento.

Para contemplar a busca pelo conhecimento em toda a cadeia de fabricação do mobiliário em couro, desde o curtume até o varejo, o terceiro dia da missão iniciou-se com uma visita à Furnitureland South, a maior loja de móveis do mundo. Com 130 mil metros quadrados de exposição, o mega showroom dedicado ao consumidor final mostrou à equipe da missão comercial como funciona a dinâmica de varejo neste case de sucesso, que possui uma divisão completa e exclusiva de estofados em couro. Ao grupo de brasileiros foi explicada toda a logística, os números e os valores de trabalho da Furnitureland South.

SHOWROOM
A tarde do terceiro dia da missão comercial foi dedicada ao showroom de couros brasileiros no High Point Plaza Hotel. O evento teve acesso exclusivo para compradores e distribuidores, com visitação direcionada. Importantes novos contatos foram realizados pelos dez expositores brasileiros, que receberam diversos interessados em couro acabado para o mercado moveleiro e outros nos Estados Unidos. O showroom deve ter impacto positivo nas exportações de couros e peles do Brasil já a partir do primeiro semestre de 2013.

VISITAS TÉCNICAS
Deixando o estado da Carolina do Norte e partindo para o Texas, o grupo brasileiro participou de visitas técnicas a duas empresas, tendo a companhia de John Reddington, presidente da USHSLA (United States Hide, Skin & Leather Association). A primeira visita, na cidade de Cactus, foi ao JBS, cuja planta fabrica exclusivamente wet blue. A missão do Brasil foi guiada pelos engenheiros que conceberam aquela unidade e puderam mostrar todos os detalhes de fabricação, números e sistema de trabalho da empresa. Esta unidade do JBS – cujas instalações impecáveis e maquinário de ponta permitem uma produtividade nos mais altos níveis de eficiência e qualidade – está estabelecida junto a um espaço de confinamento do gado e de um frigorífico, otimizando processos e logística.

A segunda empresa visitada foi à Texpac, na cidade de Fort Worth. Trata-se de uma empresa que prepara e fornece couros salgados e salmourados – um dos produtos de interesse dos curtumes brasileiros para importação, beneficiamento e posterior exportação. Com a visita – que mostrou os processos impecáveis de produção da Texpac – três curtumes brasileiros fecharam negócio e devem, em breve, começar a importar a matéria prima produzida nos Estados Unidos.

APROVEITAMENTO
Para os brasileiros, a Missão Comercial CICB / Apex-Brasil aos Estados Unidos foi uma ação sem precedentes, com aproveitamento excepcional em conhecimento, novos contatos e abertura de mercados. “Tivemos um saldo muito positivo, tanto que já recebi no Brasil um dos visitantes do showroom, Tim Scopes, da empresa Leather Miracle. Fomos muito bem recepcionados e acho que os brasileiros que estiveram presentes nesta missão terão”, afirma Eduardo Fuga, da empresa Fuga Couros.

Segundo o presidente executivo do CICB, José Fernando Bello, que esteve à frente da missão, CICB e USHSLA agora trabalham na elaboração de um protocolo de intenções para fomentar o comércio de couro entre as duas nações. O documento prevê a eliminação de tarifas alfandegárias e barreiras sanitárias para que os Estados Unidos possam vender mais matéria prima aos curtumes do Brasil que, por sua vez, poderão incrementar sua produção e posterior exportação de couro acabado.

Empresas brasileiras participantes da missão:
Coming Indústria e Comércio de Couros Ltda. Curtume Cubatão Ltda. Curtume Viposa S/A Durlicouros Ind. e Com. de Couros Exp. e Imp. Ltda. Fuga Couros S/A Gobba Leather Indústria e Comércio Ltda. JBS S/A Luiz Fuga Indústria de Couros Ltda. Nova Kaeru Indústria e Comércio de Couros Ltda. Romeu Couros Ind. Com. Ltda.

Copyright © 2019 Exclusivo On Line. Todos os diretos Reservados.