×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de jun. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Milano Fashion Week: o homem toma o seu lugar por direito

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de jun. de 2022

Aproveitando a dinâmica do Salone del Mobile e da sua Milan Design week 2022, que atraiu um grande número de visitantes de 7 a 12 de junho, Milão pretende repetir este sucesso com a Milano Moda Uomo (ou Milano Fashion Week Men’s), que começou na sexta-feira (17) e vai até ao dia 21 de junho. Entre retornos de prestígio como a Moschino e Versace, novos nomes como a JW Anderson e outras grandes celebrações, todos os elementos são reunidos para assegurar o apelo e atratividade deste evento.


CNMI

 
A Milano Fashion Week Men’s, dedicada às coleções para a primavera-verão 2023, anunciou 25 desfiles, dos quais apenas cinco serão em formato digital, concentrados no último dia, terça-feira (21).
 
Esta Semana da Moda continuará a ser transmitida na web graças à plataforma lançada pela Camera Nazionale della Moda Italiana (CNMI) durante a pandemia, mas voltará agora a um programa quase inteiramente físico com um total de 70 eventos entre desfiles e apresentações, 65 dos quais serão presenciais.

Vale notar que o programa terminará com um desfile a 120km de Milão... o show da Zegna, que escolheu revelar a nova coleção do diretor artístico Alessandro Sartori na sua sede piemontesa em Trivero, com a reserva natural Oasi Zegna como pano de fundo, na noite de terça-feira (21).
 
A Dsquared2 abriu o evento na sexta-feira (17), encerrando os seus shows mistos, tal como a Versace, que também regressou ao calendário masculino com um desfile dedicado no sábado (18). A Gucci também retornou à Semana da Moda Masculina, sem desfile, mas com uma apresentação.
 
Entre os grandes retornos, devemos mencionar a Moschino, Plein Sport, Billionaire e Marcelo Burlon County of Milan, que anunciou uma grande festa "after show" no sábado à noite para celebrar o seu 10.º aniversário. Outra festa muito esperada é a da Boss, que vai lançar uma coleção exclusiva, criada com o seu embaixador, o senegalês Khabane "Khaby" Lame, que é uma celebridade do TikTok. Haverá inúmeras outras festas durante esta semana em Milão.
 
O regresso aos desfiles físicos será uma oportunidade para finalmente descobrir na vida real muitos nomes novos, que tiveram de se contentar com apresentações digitais nas últimas temporadas. Estes incluem o designer indiano Dhruv Kapoor, o criador britânico Jonathan William Anderson, que anteriormente desfilou com a sua marca em Paris, e que também dirige a maison de luxo espanhola Loewe, parte do grupo LVMH, e 44 Label Group, a nova joia do empresário-revendedor Claudio Antonioli, que está lançando este projeto de roupa urbana de luxo com o DJ e produtor Max Kosobil, sediado em Berlim.
 
Finalmente, não devem faltar outros três novos nomes a juntarem-se ao evento nesta temporada: a marca chinesa Joeone, desenhada pelo estilista francês Louis Gabriel Nouchi, que começou a desfilar em Paris no ano passado, bem como duas marcas italianas, Family First, fundada em 2015 por Giorgio Mallone e Alessandro Zanchi; e Simon Cracker, pelo estilista Simone Botte.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.