Mercado de Moda Atacadista aposta em aquecimento das vendas para o Dia dos Namorados

Levantamento realizado pelo Google revelou que, em 2018, o Dia dos Namorados movimentou cerca de R$ 1.8 bilhão na economia, e que o ticket médio gasto por quem presenteou foi de R$ 464 reais. Para este ano, as expectativas dos lojistas se mantém otimistas. Segundo Thamara Zaia, gerente de Marketing dos shoppings atacadistas Mega Moda, os itens de vestuário são os mais procurados para presentear nessa data:

"Por isso, acreditamos em uma maior movimentação nesta semana até o dia 11 de junho. Muitos clientes de outros estados já fizeram suas compras, mas alguns empresários, principalmente do interior do estado, deixam para renovar o estoque mais próximo ao dia", explica a executiva do Mega Moda.


Dia dos Namorados aquece as vendas do varejo - Foto Kristina Litvjak / Unsplash

Outro segmento que tem ganhado destaque nos corredores dos shoppings do Grupo Mega Moda são as lojas de moda íntima e os sex shops. Thamara explica que os clientes se sentem mais seguros em consumir esse tipo de produto dentro de um shopping. "Além de uma peça do vestuário, por que não comprar um item que possa apimentar a relação?", ressalta.

Segundo levantamento da Boa Vista, empresa de serviços econômicos, o Dia dos Namorados tem expectativa de crescimento de, no máximo, 2% das vendas na comparação com 2018. Com isso, o movimento do comércio na data deve registrar o pior resultado dos últimos três anos (2,6% em 2017 e 2,2% em 2018 e a vertiginosa queda em 2016 de -5,8%). Segundo os economistas da Boa Vista, o alto nível de desemprego e a recente queda da confiança estão segurando o ritmo de expansão das vendas.

Ainda de acordo com a Boa Vista, os consumidores devem gastar em média R$ 292 nos presentes para seus companheiros – uma alta de cerca de 5% em relação a 2018.
O número de presenteados também deve crescer: a pesquisa apontou que 69% dos entrevistados pretendem dar presente ao parceiro – no ano passado, essa fatia foi de 67%. Entre eles, 42% esperam gastar mais agora do que na compra do presente de 2018. Outros 39% vão gastar a mesma quantia, enquanto 19% preveem um gasto menor a data este ano.

As roupas devem liderar entre os presentes, com 30% das intenções de compra, seguidas por jantar romântico, show e cinema (19%); perfumaria (13%); joia ou relógio (10%); celulares e smartphones (9%); informática (8%); viagem romântica (7%); flores (2%), e chocolates (2%).

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

ModaNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER