×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
27 de jan. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Melissa acelera expansão na Europa a partir da Itália

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
27 de jan. de 2021

Após a recente inauguração de uma nova loja flagship em Los Angeles, nos Estados Unidos, a Melissa, marca de calçados e acessórios que pertence ao grupo brasileiro Grendene, pretende implementar, a partir de sua sede italiana, uma estratégia de expansão para diversos mercados europeus, como Noruega, Finlândia, Suécia, Dinamarca, Áustria, Alemanha, e algumas regiões da Europa Oriental.


Melissa quer crescer na Europa

 
Para isso, a sede milanesa, localizada na região de Tortona, será reformada e ampliada. Entre os vários projetos, está no radar uma nova colaboração com a cultuada loja de departamentos italiana, Rinascente Duomo, que receberá uma instalação focada em sustentabilidade, área na qual a marca está particularmente ativa.
 
Os calçados da Melissa são feitos em Melfex, um material com patente exclusiva, totalmente livre de crueldade e sem produtos derivados de animais, facilmente desmontável e reciclável. A produção, inteiramente feita no Brasil, é 100% eficiente, parcialmente feita de Melfex reciclado e sem desperdícios.

Hoje a marca está presente em mais de 4.000 pontos de venda em todo o mundo, incluindo lojas próprias e multimarcas, 340 lojas Clube Melissa no Brasil, 140 lojas exclusivas distribuídas no exterior, três flagship Galeria Melissa (São Paulo, Londres e Nova York) e 5 sites de e-commerce (Brasil, Itália, Europa, Reino Unido e Estados Unidos).
 
Graças a uma estratégia de digitalização implementada antes da Covid-19, as vendas online da empresa cresceram acentuadamente no último ano, respondendo por mais de 30% do faturamento total. E a Melissa quer continuar investindo nesse canal, conforme explicou ao site FashionNetwork.com: “Em 2021, a maior parte dos investimentos serão destinados ao digital, em particular à renovação dos e-commerce para Itália e Europa. A nova plataforma terá melhor desempenho tecnicamente, apresentando os modelos com mais detalhes e proporcionando uma nova experiência de compra aos clientes. Além disso, estão previstas inúmeras ações de mídia digital, desenvolvimento de projetos com novos talentos da moda, arte e design, e a integração com uma nova plataforma digital de vendas B2B”.
 
Nos últimos anos, a Melissa produziu mais de 50 milhões de pares de calçados, que foram distribuídos em 80 países; sendo que 60% do seu faturamento é proveniente do mercado brasileiro e 40% do mercado internacional.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.