Marine Serre apresenta Hardcore Couture durante temporada de prêt-à-porter

Atualmente há poucas mentes tão imaginativas quanto a de Marine Serre na moda européia. Suas roupas são híbridas e experimentais, não seguem tendências dominantes e foram apresentadas de maneira divertida e inovadora em Paris. Ela rompe barreiras que outros designers sequer sabem que existem.


Ver o desfile
Marine Serre - Primavera-Verão 2019 - Moda Feminina - Paris - © PixelFormula

As principais referências de Marine Serre são a tecnologia, a vida urbana e a velocidade. E nesta temporada sua apresentação foi impecável. A estilista usou uma passarela de madeira de 200 metros instalada em um novo parque urbano ao norte de Paris, com vista para uma importante linha de trens. Se tivesse chovido, teria sido um desastre; mas, apesar do frio, o sol brilhava e a única fila de espectadores estava na posição perfeita para apreciar o excelente desfile.
 
A coleção foi magnífica, e o elenco heterogêneo, assim como o vestuário: vestidos gregos de algodão branco com um corte impecável, estampas, inserções florais e referências de futebol; ou então um vestido marcante com um véu de estilo mourisco com uma explosão de estampas contrastantes em seda. Uma espécie de fusão entre Gianni Versace e Hermès.
 
Marine Serre ama a mulher atarefada, que está disposta a seguir seus impulsos pessoais. Sendo assim, suas bolsas em plástico transparente com o logo da Hardcore Couture continham carteiras, água, maquiagem, e uma cópia do Le Monde diplomatique.


Ver o desfile
Marine Serre - Primavera-Verão 2019 - Moda Feminina - Paris - © PixelFormula

A estilista apresentou também um macacão branco de Fórmula 1, com seu próprio logotipo, é claro, combinado com um tênis com seu característico "C". Uma mãe e seu filho de dois anos surgiram vestindo macacões com esse mesmo padrão, que apareceu também em algumas jaquetas jeans femininas e masculinas, que certamente serão um best-seller.
 
Foi tudo um pouco extravagante e as sacolas de boliche poderiam ter sido dispensadas, mas isto é apenas um pequeno detalhe perante uma coleção muito contemporânea e relevante. O fato de muitos dos looks terem sido retirados de peças de vestuário usadas e recicladas tornou tudo muito melhor. "Confrontados à beira de mau gosto", como explicado pela designer na nota do desfile. E o gesto inteligente de incluir Elfie Semotan, a modelo mais famosa de Helmut Lang, foi um toque brilhante, ainda mais pois Elfie ficou incrível com um casaco gigante coberto por centenas de chaveiros de plástico.
 
Em suma, Marine Serre pode ser pequena em estatura, mas suas idéias são grandes e completamente revolucionárias. Ela está escrevendo um novo capítulo no mundo da moda e é realmente muito boa.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

ModaLuxoDesfiles
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER