×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de nov. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Marcas de luxo britânicas unem-se para impulsionar ação climática positiva na COP26

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de nov. de 2021

Um grupo das principais marcas de luxo britânicas reuniu-se, terça-feira (9 de novembro) para participar de um evento especial ligado à conferência COP26. A campanha de marketing internacional emblemática do Reino Unido, conhecida como GREAT, selecionou alguns nomes-chave para chamar a atenção para a ação contra as alterações climáticas e para o que o setor da moda do Reino Unido (e no mundo) está fazendo a respeito.


Mother of Pearl - DR


O British Fashion Council (BFC) foi o organizador do evento GREAT Fashion for Climate Action em Glasgow e marcas como a Burberry, Mulberry e Stella McCartney participaram de "uma vitrine da inovação britânica".

Além dessas marcas, também participaram Phoebe English, Priya Ahluwalia, e Mother of Pearl, todas elas bem conhecidas pelo seu empenho na luta contra as alterações climáticas. A modelo britânico-americana Arizona Muse também marcou presença, ostentando um look da Mother of Pearl.

O BFC disse num comunicado: "Com estimativas que sugerem que as indústrias de vestuário e calçado são responsáveis por 8% das emissões globais de gases com efeito de estufa, as marcas de moda britânicas lideram a inovação para enfrentarem o desafio climático da indústria".  

Ao que o primeiro-ministro Boris Johnson acrescentou: "É brilhante ver estas marcas de moda britânicas inovarem e liderarem a indústria no sentido de um futuro mais verde. Sei que mais empresas irão trabalhar arduamente para tornarem a moda mais sustentável nos próximos anos, e elogio a determinação da indústria em desempenhar o seu papel nesta questão".

O evento foi realizado na Kelvingrove Art Gallery and Museum, em Glasgow, e contou com formadores de opinião, bem como destacou as inovações que conduzem a uma economia de moda circular no Reino Unido. Foi presidido pela CEO do BFC, Caroline Rush.

O BFC informou ainda que, durante o evento, vários designers "demonstraram o empenho do Reino Unido no combate às alterações climáticas através das suas coleções. Estas marcas estão tecendo a sua mensagem de ação climática nos seus produtos para encorajar a mudança de comportamento dos consumidores".

Amy Powney, a diretora criativa da Mother of Pearl, disse por sua vez:  "A sustentabilidade tem sido uma paixão de toda a vida e eu tenho trabalhado numa missão para a Mother of Pearl para reduzir o seu impacto no planeta". No entanto, não basta só uma marca, a indústria da moda requer um sistema completo de reposição e uma mudança no comportamento do consumidor. 

"O sistema precisa abrandar, precisamos investir em marcas com os valores certos e considerar sistemas de ciclo fechado que nos encorajem a alugar, reparar, reciclar e revender, substituindo as compras por impulso e a metodologia da moda rápida". 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.