×
Publicado em
22 de nov. de 2017
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Marcas de cosméticos orgânicos e veganos estão conquistando os brasileiros

Publicado em
22 de nov. de 2017

A venda de cosméticos naturais e orgânicos tem crescido no mundo, cerca de 10% ao ano, segundo o jornal Folha de S. Paulo, e o Brasil está acompanhando esse crescimento. Três linhas novas de maquiagem orgânica foram lançadas no país em 2017. 


Face it Natural Cosmetics


Os cosméticos orgânicos, veganos e naturais não necessariamente possuem as três características. Para serem certificados com o selo de orgânico, os produtos precisam conter 95% de ingredientes naturais, 20% desses devem ter origem orgânica certificada e pode haver no máximo 5% de ingredientes sintéticos. Os cosméticos veganos, por sua vez, não podem conter componentes testados em animais, mas podem ser sintéticos; e os cosméticos naturais não necessariamente são orgânicos. Com consumidores cada vez mais exigentes quanto à origem de seus produtos e os componentes, muitas marcas estão apostando na criação de ítens que atendam à essa demanda combinando todas as características que culminem em produtos que não prejudiquem a saúde, o meio ambientes ou os animais.

A LabPhyto, marca italiana especializada na fabricação de cosmética natural, orgânica e vegana desde 1998, e que produz para mais de 60 marcas ao redor do mundo, com mais de 16 mil formulações exclusivas, iniciou suas atividades no Brasil em 2015, vendendo 300 mil produtos naquele ano. Em 2017, a empresa superou 1 milhão de produtos vendidos, e tem como meta para 2018 a entrega de 3,6 milhões, segundo o diretor de marketing da marca, Jens Schmitt, informou à Folha.

Outra marca de cosméticos orgânicos, a carioca Face It, criada por Eliza e Júlia Barroso, mãe e filha, no início do ano, se juntou ao laboratório LabPhyto para produzir batons, cujos ingredientes principais são a manteiga de cacau e óleo de mamona, livres de PEG, BHT e BHA, chumbo e outros metais como, titânio, alumínio, cromo, derivados de petróleo, sulfato, parabenos e silicone, entre outros.  Os produtos da marca também possuem embalagens recicladas, são livres de crueldade animal, possuem certificado do PETA, a maior organização de direitos dos animais do mundo, e também fazem parte do programa “Beauty Without Bunnies”. Um batom da Face It custa 74 reais e pode ser adquirido pelo e-commerce da marca ou no Veganza Barra Shopping, no Rio de Janeiro. 

A Simple Organic, outra marca lançada esse ano no país, pela criadora Patrícia Lima, conta com o estilista Alexandre Herchocovitch como sócio e também aposta em componentes com menor risco de alergias e que não são prejudiciais. A marca possui uma gama maior de cosméticos e produtos de higiene, como BB cream, primer, hidratantes, sabonetes, corretivos, máscara de cílios, iluminador, entre outros, com batom custando em média 69 reais. A Simple Organic disponibiliza seus produtos em pontos de venda em São Paulo, Belo Horizonte e Florianópolis, bem como em sua loja online.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.