×
Publicado em
31 de out de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Maelle dá voz a o sentimento das consumidoras em websérie

Publicado em
31 de out de 2019

Apesar da evolução no mercado voltado para o público plus size feminino, essas mulheres ainda têm dificuldade de encontrar nas lojas peças modernas e estilosas para tamanhos grandes. Atenta a isso, a Maelle, marca do Grupo Elian, convidou algumas mulheres para um bate-papo sobre beleza e sobre o sentimento delas com relação à moda. As conversas foram documentadas em vídeos sem roteiros e sem interferências estéticas, e se transformaram em uma websérie com episódios que vão ao ar uma vez por semana até dezembro. Os primeiros já estão disponíveis no canal da Maelle no Youtube e também nas redes sociais Facebook e Instagram.


Maelle: aposta no público plus size - Divulgação


“Muitas marcas do segmento trabalham uma imagem aspiracional e irreal das mulheres, compartilhando padrões estéticos que não as representam. Nas pesquisas, o que mais encontramos foi a mulher que busca se desprender de padrões e compartilha da sua visão com outras, incentivando autoconhecimento, bem-estar e beleza real”, afirma, em nota, Camila Felício, coordenadora de Marketing do Grupo Elian. 

No primeiro episódio, as modelos e influenciadoras digitais Gabriela Caroli e Nina Dumont contaram sobre suas experiências com beleza e empoderamento e responderam qual o significado da palavra gorda para elas. Para Gabriela, as pessoas precisam se acostumar que gordo é o contrário de magro, assim como alto e baixo. “A gente aprende desde pequena a odiar ser gorda, a odiar ter alguns defeitos considerados pelo padrão estético da sociedade. Amar o corpo para mim é quebrar essas barreiras, parar de se odiar, simplesmente, aceitar os fatos. Eu sou assim mesmo e pronto. E a partir daí você começa a se amar”, afirma em nota.

Nina Dumont relata que durante toda sua infância ela ouviu: gorda, gorda, gorda e que aquilo a machucava. “Hoje em dia eu tenho uma camiseta escrito gorda, então esse empoderamento da palavra fez com que a gente conseguisse se libertar. Isso eu acho que é uma vitória sem limites. Eu fiz as pazes com a palavra gorda. Meu bem, ninguém segura uma mulher segura”, finaliza.


Maelle

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.