×
177
Fashion Jobs
CAEDU
Analista de Controladoria pl
Efetivo - CLT · São Paulo
L'OREAL GROUP
Analista de Business Intelligence Pleno - Divisão Grande Público
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
INTJOBS
Missão Humanitária Internacional de Saúde: Todas as Especialidades
Efetivo - CLT · RIO DE JANEIRO
CAEDU
Analista de Produtos Financeiros pl
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Analista CRM pl - Segmentação
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Cidade de São Paulo
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Center Shopping Uberlândia
Efetivo - CLT · Uberlândia
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Del Rey
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Uberaba
Efetivo - CLT · Uberaba
AMARO
Compliance Analyst
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · São Vicente
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · Itu
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · Itapevi
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Analista Financeiro jr - Tesouraria
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Analista Financeiro jr - Contas a Pagar
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Analista Detecção de Fraude pl
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Supervisor de Vendas
Efetivo - CLT · Osasco
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · Osasco
CAEDU
Operador de Loja - Intermitente
Efetivo - CLT · Poá
AMARO
Facilities Lead
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Digital Product Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
Publicado em
3 de dez de 2015
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Madri se empenha para se tornar a capital do turismo de compras

Publicado em
3 de dez de 2015

Apesar dos seus grandes atrativos, Madri segue sem despertar o interesse, como destino de compras, ostentado por Barcelona. Os motivos foram debatidos no primeiro workshop voltado ao turismo de compras organizado pela Madrid Foro Empresarial, El Corte Inglés e Universidade de Deusto. Representantes das marcas de luxo como Camper ou Suárez manifestaram sua preocupação com inexistência de um plano estratégico para promover Madri como destino de compras.

Empresas de luxo como Loewe mostram sua preocupação com a situação de Madri no âmbito do turismo de compras. - Lookbook Loewe Men AW15


Hilario Alfaro, presidente do Foro, explicou ao FashionMag: "é necessário implantar um imposto turístico, como já fazem outras cidades. Barcelona consegue assim mais de 20 milhões de euros que destina para se promover no mundo. Madri é, segundo 'The Economist', a segunda cidade mais desejável para se fazer compras graças ao seu clima, horário comercial, gastronomia e programa cultural". Por desgraça, explica Alfaro, "este imposto não poderá ser aplicado até pelo menos 2018, já que não foi contemplado nos orçamentos da Cidade".
 
A Espanha deve renovar o perfil do turista. Sol e praia não bastão. Todos concordam que "temos de apostar no turista que busca viver experiências, incluindo compras. Madri e Espanha não estão aproveitando o interesse dos cidadãos asiáticos em viajar à Europa".

O presidente de El Corte Inglés, Dimas Gimeno propõe analisar os novos emissores de turismo, "com quem e com o que competimos e quais são os modelos de sucesso. Precisamos nos promover na China e nos outros emergentes, proporcionar facilidades na emissão de vistos, aumentar as conexões aéreas com esses países. A moda representa 60% na compra dos turistas, seguida pela joalheria e pela relojoaria com 20%.
 
Espanha recebe apenas 3% e 0,2% do gasto dos turistas de fora dos países comunitários e chineses respectivamente. Por isso, comerciantes reclamam medidas por parte da administração que contribuam para transformar a cidade. A diretora-geral de comércio da Cidade de Madri explicou que Barcelona se vê beneficiada pela chegada maciça de cruzeiros: "é um turista que gasta muito e que é difícil atrair para Madri. A solução estaria em melhorar as conexões do AVE (trem de alta velocidade espanhol) com as cidades da costa".
 
Os Congressos e as feiras são uma importante fonte de receitas do turismo de compras. Mas, como explica Hilario Alfaro, "Madri recebeu somente um Congresso entre os 40 mais importantes do mundo em 2015 e não teremos mais nenhum até 2017". Marta Clau, da Chanel, comentou como o El Mobile World Congress representou milhões de euros para Barcelona em apenas quatro dias".
 
Na opinião da maioria, as feiras organizadas pela Ifema "perderam prestígio. A Cidade de Madri argumenta que a Ifema recebeu 87 feiras internacionais em 2015 e enfatizou que "a instituição se encontra em pleno processo de reorganização com objetivo de se profissionalizar".
 
Para Hilario Alfaro é preciso "realizar toda uma série de ações, mas com uma estratégia clara. Há coisas que não custam tanto dinheiro e jogariam a nosso favor". Alfaro confirmou ao FashionMag "a continuidade deste workshop com outro formato no primeiro semestre de 2016".

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.