×
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
29 de mar. de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Lululemon fecha o ano com aumento de dois dígitos nas vendas

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
29 de mar. de 2019

A Lululemon Athletica Inc. anunciou na quarta-feira resultados melhores do que o esperado. A empresa de moda desportiva não mostrou sinais de desaceleração na demanda.


As vendas anuais da Lululemon dispararam 24% - Facebook: Lululemon

 
A empresa com sede em Vancouver, no Canadá, registou 3,3 bilhões de lucro líquido no ano fiscal encerrado a 3 de fevereiro de 2019, o que representa um aumento de 24% em relação ao exercício de 2017. As vendas em lojas também foram boas, com um aumento de 7% nas vendas comparáveis, enquanto os lucros líquidos de vendas diretas aumentaram 45%.

Por seu lado, os lucros do quarto trimestre também registaram um crescimento de dois dígitos nas vendas, com um aumento de 26% no lucro líquido, para 1,2 bilhão de dólares. As vendas em lojas comparáveis aumentaram 6%, enquanto os lucros líquidos de vendas diretas aumentaram 37%.

"A Lululemon viveu um dos seus melhores anos até à data, resultado de uma fortaleza bem estabelecida em toda a empresa. Estou animado por ter alcançado muitos dos nossos objetivos para 2020 antes do previsto, e quero agradecer à nossa equipa a sua dedicação, trabalho duro e relação com os nossos clientes, dia após dia. Temos energia para aproveitar este impulso e aproveitar as oportunidades da Lululemon em todo o mundo", declarou Calvin McDonald, CEO da empresa, num comunicado de imprensa.

A gigante canadiana da moda desportiva investiu fortemente no seu negócio online, e o resultado são vendas eletrónicas particularmente fortes na China, mostrando o seu potencial como o próximo grande mercado.

A empresa também anunciou os seus planos de abrir lojas eletrónicas em França, no Japão e na Alemanha, além de planos para inaugurar entre 25 e 30 lojas fora da América do Norte.

Durante o trimestre, o lucro líquido foi de 218,5 milhões de dólares, ou 1,65 dólares por ação, mas a empresa terminou o ano com um lucro de 483,8 milhões de dólares, ou 3,61 dólares por ação.

Olhando para o futuro, a empresa espera um lucro líquido no primeiro trimestre entre 740 e 750 milhões de dólares, graças a um aumento das vendas comparáveis totais de dois dígitos em dólar constante. Espera-se que o lucro diluído por ação fique entre 0,68 e 0,70 dólares no mesmo trimestre.

Para o ano fiscal 2019, a Lululemon espera alcançar um lucro líquido entre 3,7 e 3,74 bilhões de dólares, com base num aumento similar nas vendas comparáveis de dois dígitos em dólar constante. O lucro diluído por ação deverá variar entre 4,48 e 4,55 dólares para o ano inteiro.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.