×
Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
5 de fev. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Lucro da Tapestry supera estimativas trimestrais graças à demanda dos consumidores chineses

Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
5 de fev. de 2021

A Tapestry Inc. Informou na quinta-feira (4) que superou suas estimativas de lucro trimestral graças à maior demanda por seus produtos de luxo na China e à diminuição dos descontos de fim ano. As ações da empresa proprietária da marca Coach subiram quase 3% após o anúncio.


Photo: J. Lo for Coach


Os clientes afluentes da China voltaram a fazer compras no país à medida que as restrições impostas para conter o coronavírus diminuíram no segundo semestre de 2020, impulsionando a receita da marca de moda com sede Nova York no importante mercado asiático em mais de 30% no segundo trimestre de seu ano fiscal.

A margem bruta aumentou em 300 pontos-base, uma vez que a Tapestry vende produtos a preços relativamente mais altos na China continental. Ela também se beneficiou de uma redução nas remessas para lojas de departamentos com tendência a descontos.

O lucro líquido da empresa aumentou mais de 4% para 311 milhões de dólares, ou 1,11 dólar por ação, no trimestre encerrado em 26 de dezembro. Excluindo itens únicos, ela ganhou 1,15 dólar por ação, enquanto os analistas estimavam 1,01 dólar por ação, de acordo com dados IBES da Refinitiv.

A receita líquida, por sua vez, caiu cerca de 7%, para 1,69 bilhão de dólares, prejudicada pelo fechamento de lojas e pela restrição de capacidade, mas superou as expectativas do mercado de 1,63 bilhão de dólares.

A Tapestry disse que espera que a receita para o ano todo aumente à uma alta taxa de um dígito em 52 semanas e cerca de 10% em 53 semanas. Os analistas esperavam que a receita para o ano inteiro aumentasse 6,9%.

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.