×
Publicado em
26 de mar. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Louis Vuitton em Singapura e Fendi em Xangai: luxo do outro lado do mundo

Publicado em
26 de mar. de 2021

Embora as semanas da moda tenham sido sujeitas a formatos virtuais durante as duas últimas temporadas devido à pandemia, algumas maisons de luxo que investiram em espetáculos reais, na sua maioria apresentados de portas fechadas, decidiram duplicá-los na Ásia, onde a situação sanitária já está mais sob controle. A Louis Vuitton esteve em Singapura na terça-feira (23 de março), enquanto a Fendi expôs em Xangai no dia 19 de março.


Final do desfile da Louis Vuitton em Singapura - Louis Vuitton


Esta é a primeira vez que o diretor artístico Nicolas Ghesquière organiza um espetáculo no Sudeste Asiático. Ele o concebeu como um desfile de moda derivado do que foi realizado em outubro do ano passado em Paris, na La Samaritaine, com a coleção para a primavera-verão 2021/2022, acrescentando uma coleção-cápsula de Verão 2021 inspirada na praia.

Um total de 67 silhuetas dando lugar de destaque às minissaias combinadas com sobretudos oversized, ternos chiques com tênis cintilantes e vestidos de camiseta com estampas gráficas em cores pop.

Este foi o primeiro desfile realizado em Singapura desde a difusão da Covid-19. Os 112 convidados, entre eles muitas celebridades, estavam todos mascarados e ficaram à distância nos porões do ArtScience Museum, transformado para a ocasião em um cenário futurista inteiramente verde, a fim de permitir a exibição de trechos do filme de Wim Wenders "Der Himmel über Berlin" (Asas do Desejo). Combinando elementos virtuais e físicos, esse espetáulo híbrido também foi transmitido na web.

Por sua vez, a Fendi reproduziu no Centro de Exposições de Xangai o desfile de primavera-verão 2021, que seu novo diretor artístico Kim Jones havia apresentado em janeiro no Palais Brongniart, em Paris.

Embora a decoração fosse idêntica ao labirinto de vitrines transparentes, o elenco era diferente, com modelos ocidentais e celebridades dando lugar a suas contrapartes chinesas, enquanto três silhuetas foram acrescentadas aos 19 looks revelados em janeiro. Cerca de 400 pessoas compareceram ao evento.

O próximo evento, marcado para o dia 12 de abril, será da Christian Dior, que apresentará a sua pré-coleção para o outono de 2021 durante a Shanghai Fashion Week, pela primeira vez em forma de desfile.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.