London Fashion Week anuncia calendário cheio de reviravoltas

A semana da moda de Londres acaba de revelar uma agenda particularmente cheia e rica em eventos para setembro. Será a penúltima semana de moda da capital britânica antes do Brexit, em março de 2019.

Burberry - outono-inverno 2018 - Coleção feminina - Londres - © PixelFormula

A estreia mais aguardada da temporada irá acontecer, sem dúvida, no Reino Unido, com Riccardo Tisci a apresentar a sua primeira coleção pela Burberry. O supersticioso Tisci, cujo número da sorte é o 17, escolheu desfilar às 17h de segunda-feira, 17 de setembro.

No entanto, o calendário de cinco dias é efetivamente inaugurado na sexta-feira, dia 14 de setembro, de manhã, com Richard Malone, que faz parte do alinhamento Newgen 2018, o esquema de identificação de talentos do British Fashion Council. A semana termina na noite de terça-feira, 18, após cerca de 80 eventos e 55 desfiles oficiais.
 
Victoria Beckham, por seu lado, desfila pela primeira vez na capital inglesa após quase dez anos em Nova Iorque. O desfile na LFW será o primeiro desde que o fundo de private equity NEO Investment Partners, liderado por David Belhassen, adquiriu uma participação de 30% na sua marca. Também Delpozo, a casa espanhola mais aclamada pela crítica nesta década, fará um grande regresso a Londres.


Delpozo - outono-inverno 2018 - Coleção feminina- Londres - © PixelFormula

Já Christopher Kane apresentará o seu primeiro desfile desde que foi divulgado que o seu ex-parceiro, o conglomerado de luxo francês Kering, iria terminar a aliança entre ambos.

É igualmente esperada a modelo, apresentadora e diretora da marca homônima Alexa Chung, que irá desvendar a sua quinta coleção com um desfile, depois de, em ocasiões anteriores, ter recorrido a apresentações.
 
Ao contrário de Milão, a loucura dos desfiles mistos masculinos e femininos ainda não atingiu Londres. No entanto, J.W. Anderson, o jovem estilista mais popular da cidade (e também o primeiro a ganhar prêmios de designer do ano na Grã-Bretanha tanto pelas suas coleções masculinas como femininas), apresentará o seu primeiro desfile de moda misto na tarde de sábado.

A MM6 Maison Margiela, a casa conceptual de Paris, e Nicholas Kirkwood, o criador de calçado financiado pela LVMH, apresentarão ambos, pela primeira vez, coleções completas na passarela da London Fashion Week. Outros nomes a não perder de vista incluem Molly Goddard, vencedora do BFC/Vogue Designer Fashion Fund 2018, que irá desfilar no sábado à tarde, Mary Katrantzou, que celebra o 10º aniversário da sua marca, e Richard Quinn, cuja coleção da última temporada, repleta de impressões, foi apresentada na presença da própria rainha Elizabeth II.


Nabil Nayal - Automne/hiver 2018

O designer francês baseado em Londres Roland Mouret, que vestiu na mesma semana a duquesa de Sussex e a primeira-dama americana, deve estar entusiasmado com o seu desfile no domingo, assim como a irlandesa Simone Rocha, cuja coleção de estreia para o Moncler Genius Project foi muito bem recebida.

Haverá também algumas caras novas nesta fashion week: Gayeon Lee, uma estrela em ascensão da Coreia do Sul, Nabil Nayal, o finalista do concurso LVMH que vendeu um top a Karl Lagerfeld durante a competição (que Karl ofereceu a Amanda Harlech), e RIXO London, a marca boêmia de inspiração vintage.

Numa cidade que já sofre com a aproximação do Brexit, uma notável festa de talento internacional apresentada por uma indústria relutante em deixar a Europa.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirLuxo - Pronto-a-vestirDesfiles
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER