×
167
Fashion Jobs
Por
AFP-Relaxnews
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
2 de jul de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Levi Strauss & Co. toma medidas para reduzir as emissões de gases de efeito estufa

Por
AFP-Relaxnews
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
2 de jul de 2019

A Levi Strauss & Co. é a mais recente marca de vestuário a investir em metas de sustentabilidade. A empresa americana especializada em denim anunciou em seu blog corporativo uma série de metas baseadas em ciência para reduzir suas emissões de gases de efeito estufa.


Levi's


A empresa se uniu à International Finance Corporation (IFC) em um acordo de cooperação de 2,3 milhões de dólares para alcançar suas novas metas, como reduzir em 90% as emissões de gases de efeito estufa em suas instalações próprias e terceirizadas até 2025, atingir 100% de energia renovável em suas próprias instalações, e reduzir 40% das emissões de gases de efeito estufa em toda a sua cadeia global de suprimentos.

A IFC trabalhará com 42 fornecedores e fábricas da Levi Strauss & Co. em 10 países diferentes, para ajudá-los a identificar e implementar soluções de energia renovável e conservação de água. As duas empresas já trabalharam juntas em um programa piloto similar em 2017, que levou à redução de 20% das emissões.

"Estamos entusiasmados com esta parceria com a IFC para ajudar a atingir nossas metas climáticas baseadas na ciência e beneficiar nossos fornecedores e suas comunidades", declarou Liz O'Neill, vice-presidente executiva da cadeia global de produtos e suprimentos da Levi Strauss & Co. em um comunicado. "Esperamos que este programa também possa beneficiar outras pessoas na indústria de vestuário e ajudar a reduzir nossa pegada coletiva".

A Levi Strauss & Co não é a única empresa da indústria da moda a anunciar metas de sustentabilidade recentemente. No mês passado, a Puma disse que visa reduzir suas emissões de gases de efeito estufa em 35% até 2030, enquanto a Burberry e a Ralph Lauren também revelaram planos para reduzir seu impacto ambiental.
 

Copyright © 2021 AFP-Relaxnews. All rights reserved.